A OAB Cotia sediou nesta quinta-feira(29) um debate sobre “Representatividade Democrática Feminina”.

O evento, que contou com a presença do Procurador Regional Eleitoral do Ministério Público Federal de São Paulo, Dr. Luiz Carlos dos Santos Gonçalves, foi realizado em parceria com o Ministério Público e abordou temas como Participação Feminina na Política, Cotas de Gênero, Violência Contra a Mulher nos Diversos Espaços e Participação da Mulher na Sociedade. A proposta é levar o projeto para todo o estado de São Paulo.

O evento foi inspirado no "Encontro Propositivo pela Igualdade das Mulheres na Política", realizado pela PRE/SP em 2016, e pretende dar voz à sociedade civil para combater a desigualdade de gênero na política. Cotia foi a cidade escolhida como sede por ter historicamente baixa representação feminina nos poderes legislativo e executivo.

Segundo levantamento feito pela Procuradoria, constante do mapa da desigualdade de gênero no Estado de São Paulo, dos 645 municípios paulistas, menos de 10% elegeram prefeitas. Do total de vereadores, apenas 8% são mulheres.

Durante toda a manhã, os presentes participaram de palestras com a promotora de Justiça que exerceu a função eleitoral durante o pleito de 2016 na 1ª Zona Eleitoral da capital, Dra. Vera Lucia Taberti; a advogada granjeira Dra. Mariana Arteiro Gargiulo; e a promotora de Justiça do Grupo de Enfrentamento à Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher do MP/SP, Dra. Fabiola Sucasas Negrão Covas.

O Procurador Regional Eleitoral, Dr Luis Carlos, citou que o Brasil ocupa a desonrosa 164ª posição de gênero. "Cotia é uma das piores cidades com posicionamento político feminino", ressaltou divulgando o mapa e o IDH que demonstra isso. "Uma única cidade no estado de São Paulo, uma pequena cidade, tem maioria feminina na Câmara", disse citando a cidade de Nova Europa. "Uma cidade que deveria ser vista de perto pelo movimento das mulheres".

Luis Carlos enfatizou que naquela mesma data estavam sendo promovidas oito ações na Procuradoria Regional Eleitoral, contra partidos políticos que não respeitaram a lei no que diz respeito ao espaço no rádio e na TV para incentivar a participação feminina. "A direita e a esquerda, mostrando que o machismo perpassa todas as ideologias. As ações pedem que todos esses partidos tenham o desconto do tempo no próximo semestre, equivalente a cinco vezes o tempo que não foi usado para a participação feminina".

O procurador citou ainda que, pela primeira vez na história, houve a indicação de uma mulher para ocupar o cargo de Procuradora Geral da República, a Dra Raquel. "E o que significa também que ela será também pela primeira vez na história, a Procuradora Geral Eleitoral. Então toda a atuação do Ministério Público Eleitoral vai passar sob a condução de uma mulher, e aqui em público desejo à ela grande êxito. Então nós teremos a chefe do Supremo Tribunal Federal que é uma mulher, e nós teremos a chefe do Ministério Público da União, que será uma mulher. Quem sabe aqui em Cotia esse bom exemplo dignifique."

A Dra. Vera Lucia também passou informações da sub representatividade feminina na política brasileira: "A cúpula dos partidos políticos é basicamente masculina", disse. "Afeganistão e Iraque estão à nossa frente. Ruanda, na África, está na nossa frente. Temos que usar a cota de gênero a nosso favor. Uma sociedade para ser melhor precisa de mais visões e mais opiniões. Assim teremos uma sociedade mais egualitária", destacou.

A advogada Dra Mariana Arteiro contou que vem de uma família onde a participação feminina sempre foi muito forte. Ela fez uma retrospectiva da história da mulher na política. "A mulher vai ocupando seu espaço nas brechas que vai encontrando", disse, passando dados. "Somos a maioria de eleitores e nascem mais mulheres por ano no Brasil, do que homens".

A procuradora Dra. Fabíola Covas falou sobre a violência contra a mulher. "525 mil mulheres são estupradas no Brasil. Mais da metade menos de 13 anos de idade". Fabíola também citou o comportamento machista da sociedade. "Usar saia curta significa que a mulher está se oferecendo. Se a mulher fica bêbada em um bar, ela tem um comportamento incorreto, assim como se transar na primeira noite", exemplificou, dstacando ainda que o Brasil é o 5º país que mais mata mulheres no mundo. "Muitas vezes elas morrem depois que tem medidas protetivas nas mãos". Os dados são alarmantes. Segundo ela, estima-se que mais de 13 milhões de mulheres já sofreram violência.

Tribuna Livre x Frases

O público presente também pôde se manifestar na tribuna. Confira algumas frases:

- "Precisamos buscar o comprometimento das secretarias, principalmente a de Educação, que deveria trazer as diretoras para participar", ressaltou a educadora Silvana Bezerra. Para ela, a participação de Cotia é tão decepcionante quanto a representatividade das mulheres na política. "Cotia é uma cidade oligárquica e cheia de coróneis. Nós não temos que nos chocar por tudo o que acontece. Nós temos que nos chocar por muito mais!".

- "Precisamos de mulheres determinadas. Enquanto não houver vontade de vencer, os coronéis vão continuar vencendo", disse a presidente do PPL, Maria Eugênia Sukita. Ela informou que está deixando a política por não acreditar mais na sua cidade.

- "Todos os homens da política da cidade presentes deviam ter vergonha. Em 2020 nós vamos ocupar uma cadeira, vocês querendo ou não querendo. Nós vamos subir no poder sem dinheiro. Vamos fazer um trabalho de base. A única mulher em secretarias é a mulher do prefeito. Este governo não me representa", disse Carolina Rubinato, criticando a ausência do prefeito Rogério Franco no evento.

- "Muitos homens fazem comentários depreciativos com relação às mulheres. Temos que educar os nossos filhos em casa com relação a isso. Não é pelo negativo que se atinge o positivo", disse Rita Augusta.

- "Faltam muitas representações. Eu acredito em política. Mas tem que falar com o coração. Nós não queremos cota, não queremos 30%. Queremos 50% da mesa. Queremos ser respeitadas", disse a vereadora Angela Maluf, citando os 30 anos de ausência de mulheres na Câmara de Vereadores de Cotia.

- "Eu respeito muito as mulheres, porque isso vem do meu berço. Não é no conflito que se consegue as coisas, é no diálogo", disse o secretário de gabinete Fernando Jão, citando a história de vida de sua mãe e se colocando à disposição do Movimento Feminista.

- "Eu trabalho com crianças a partir dos seus 4 anos, e elas trabalham com a diferença naturalmente", disse a representante LGBT, Udi, que trabalha com educação e afirmou que o preconceito não vem de berço.

Também falaram na tribuna: Solange, do Lixão do Caputera; Angela Serrano, empresária da Granja; Simone, da Saúde; e Neusa Correa, presidente do PMB de Vargem Grande Paulista, entre outras pessoas presentes.

Para o promotor de Justiça do Ministério Público, Dr. Ricardo Navarro, Cotia precisa repensar o processo político. "As críticas que foram feitas são muito bem-vindas, desde que sejam construtivas. Eu acredito sim em todas essas propostas, sem "descambar" pro radicalismo, porque senão virá o radicalismo do outro lado, que é mais ou menos o que está acontecendo nesse país. É radical de um lado, é radical do outro, e a gente não evolui. Então vamos partir do consenso", disse citando que o sistema brasileiro sempre foi corrupto. Navarro agradeceu a OAB, que sempre foi parceira, e disse que essa iniciativa faz com que todos saiam mais fortes e mais unidos para fazer história e para fazer uma Cotia melhor."

O presidente da OAB de Cotia, Tuca Miramontes, citou a importância da mulher no cenário nacional. Sobre a realização do debate, ele destacou: "Este é um "start" que damos sobre discussões a respeito da participação da mulher na política em Cotia".

Também prestigiaram o evento a comandante do Corpo de Bombeiros de Cotia, Capitão Catarina, o comandante da GCM, José Roberto Duarte, a presidente do Conseg Granja Viana, Maria Goreti Camarano, representantes do movimento feminista MulherAção Cotia, advogados(as), políticos e representantes da sociedade civil.

Previsão do Tempo

Cotia Brazil Parcialmente Nublado (noite), 17 °C
Condições Neste Momento
Amanhece: 6:15 am   |   Anoitece: 7:50 pm
95%     11.3 km/h     30.615 atm
Tempo na semana
SEX Min: 17 °C Max: 28 °C
SAB Min: 17 °C Max: 27 °C
DOM Min: 17 °C Max: 28 °C
SEG Min: 18 °C Max: 27 °C
TER Min: 18 °C Max: 27 °C
QUA Min: 18 °C Max: 30 °C
QUI Min: 19 °C Max: 30 °C
SEX Min: 20 °C Max: 27 °C
SAB Min: 20 °C Max: 27 °C
DOM Min: 20 °C Max: 25 °C
Barueri Brazil Nublado, 17 °C
Condições Neste Momento
Amanhece: 6:15 am   |   Anoitece: 7:50 pm
95%     11.3 km/h     30.916 atm
Tempo na semana
SEX Min: 17 °C Max: 29 °C
SAB Min: 17 °C Max: 28 °C
DOM Min: 17 °C Max: 30 °C
SEG Min: 18 °C Max: 28 °C
TER Min: 18 °C Max: 29 °C
QUA Min: 18 °C Max: 31 °C
QUI Min: 19 °C Max: 31 °C
SEX Min: 21 °C Max: 27 °C
SAB Min: 20 °C Max: 28 °C
DOM Min: 20 °C Max: 25 °C
Sao Paulo Brazil Parcialmente nublado (noite), 17 °C
Condições Neste Momento
Amanhece: 6:14 am   |   Anoitece: 7:49 pm
95%     11.3 km/h     30.949 atm
Tempo na semana
SEX Min: 16 °C Max: 28 °C
SAB Min: 16 °C Max: 27 °C
DOM Min: 18 °C Max: 29 °C
SEG Min: 19 °C Max: 28 °C
TER Min: 18 °C Max: 28 °C
QUA Min: 18 °C Max: 31 °C
QUI Min: 19 °C Max: 31 °C
SEX Min: 20 °C Max: 27 °C
SAB Min: 21 °C Max: 27 °C
DOM Min: 20 °C Max: 26 °C
Carapicuiba Brazil Parcialmente nublado (noite), 17 °C
Condições Neste Momento
Amanhece: 6:15 am   |   Anoitece: 7:50 pm
95%     11.3 km/h     30.916 atm
Tempo na semana
SEX Min: 16 °C Max: 28 °C
SAB Min: 17 °C Max: 28 °C
DOM Min: 18 °C Max: 29 °C
SEG Min: 19 °C Max: 28 °C
TER Min: 18 °C Max: 28 °C
QUA Min: 18 °C Max: 31 °C
QUI Min: 18 °C Max: 31 °C
SEX Min: 20 °C Max: 27 °C
SAB Min: 20 °C Max: 28 °C
DOM Min: 20 °C Max: 25 °C
Itapevi Brazil Parcialmente nublado (noite), 17 °C
Condições Neste Momento
Amanhece: 6:16 am   |   Anoitece: 7:50 pm
95%     11.3 km/h     30.749 atm
Tempo na semana
SEX Min: 17 °C Max: 30 °C
SAB Min: 16 °C Max: 29 °C
DOM Min: 17 °C Max: 30 °C
SEG Min: 18 °C Max: 29 °C
TER Min: 18 °C Max: 30 °C
QUA Min: 18 °C Max: 31 °C
QUI Min: 19 °C Max: 31 °C
SEX Min: 21 °C Max: 28 °C
SAB Min: 20 °C Max: 27 °C
DOM Min: 20 °C Max: 24 °C
Embu das Artes Brazil Parcialmente Nublado (noite), 17 °C
Condições Neste Momento
Amanhece: 6:15 am   |   Anoitece: 7:50 pm
95%     11.3 km/h     30.782 atm
Tempo na semana
SEX Min: 17 °C Max: 28 °C
SAB Min: 17 °C Max: 27 °C
DOM Min: 17 °C Max: 28 °C
SEG Min: 18 °C Max: 27 °C
TER Min: 18 °C Max: 27 °C
QUA Min: 18 °C Max: 30 °C
QUI Min: 19 °C Max: 30 °C
SEX Min: 20 °C Max: 27 °C
SAB Min: 20 °C Max: 27 °C
DOM Min: 20 °C Max: 25 °C
Vargem Grande Paulista Brazil Bom (noite), 17 °C
Condições Neste Momento
Amanhece: 6:16 am   |   Anoitece: 7:51 pm
94%     11.3 km/h     30.481 atm
Tempo na semana
SEX Min: 16 °C Max: 28 °C
SAB Min: 18 °C Max: 27 °C
DOM Min: 18 °C Max: 28 °C
SEG Min: 18 °C Max: 27 °C
TER Min: 18 °C Max: 27 °C
QUA Min: 18 °C Max: 30 °C
QUI Min: 20 °C Max: 28 °C
SEX Min: 20 °C Max: 26 °C
SAB Min: 20 °C Max: 26 °C
DOM Min: 20 °C Max: 24 °C

Visitantes Online:

Temos 364 visitantes e Nenhum membro online