Há a suspeita de que a ação tenha acontecido em represália a uma morte ocorrida durante confronto com a polícia 

Por volta das 19h30 desta quarta-feira(8), pelo menos 10 indivíduos aparentando estar armados fecharam a Rodovia Raposo Tavares, sentido Capital. O fato aconteceu na altura do km 14,5 próximo ao Shopping Raposo.

Os indivíduos pararam um ônibus da Viação Osasco que fazia a linha intermunicipal 404 até o Metrô Butantã e retiraram todas as pessoas do interior do coletivo. Em seguida atravessaram o ônibus na via e atearam fogo, se evadindo no sentido da favela Mandioquinha. 

A Polícia investiga a informação de que um dos vândalos teria se queimado durante a ação. Por causa do incêndio, a rodovia chegou a ficar totalmente interditada nos dois sentidos por pelo menos uma hora. Equipes do Corpo de Bombeiros foram para o local para combater o fogo, com apoio das equipes da Polícia Militar, Polícia Rodoviária e DER.

Por volta das 21h30 a rodovia já estava liberada.

Represália
Há a hipótese de que o incêndio do coletivo possa estar ligado a um confronto ocorrido na data de ontem entre a Polícia Militar e três indivíduos armados. Eles teriam roubado um veículo Tucson e foram interceptados por uma viatura da PM. Houve o acompanhamento até a comunidade do Sapé, onde durante uma troca de tiros, um dos indivíduos foi atingido por dois disparos. Ele chegou a ser socorrido ao Hospital Universitário, mas veio a óbito.

A ocorrência está sendo registrada no 89º DP.

(Fotos encaminhadas pelos leitores do Portal Viva)

Visitantes Online:

Temos 717 visitantes e Nenhum membro online