Na manhã desta sexta-feira(20), motociclistas participaram de uma manifestação na Rodovia Raposo Tavares.

O objetivo da manifestação, segundo o grupo, era chamar a atenção das autoridades, reivindicando o direito de trafegar nos corredores, hoje proibido por lei.

Um comunicado foi distribuído nas redes sociais durante a semana, informando o motivo da manifestação. "Vamos nós motokas profissionais do ramo e condutores nos unir para tentar reverter essa situação, somos pais de família, não podemos ficar levando multas de corredor, ao ponto de perder nossa habilitação, NÃO AGUENTAMOS MAIS PASSAR POR ISSO!!!", dizia a nota.

 

Algumas motos se reuniram cedo em Vargem Grande Paulista, de onde seguiram em comboio até o km 24, na altura do shopping, onde estava marcada para acontecer a concentração, às 8h da manhã, com saída às 8h40 sentido São Paulo.

No km 15 os motoqueiros fizeram uma parada e fecharam a rodovia por alguns instantes. Depois seguiram pelas duas faixas da direita, em fila, até o final da rodovia.

A Polícia Rodoviária reforçou o policiamento ao longo da rodovia com cerca de 20 viaturas, com apoio vindo de Barueri e Sorocaba. Segundo os policiais, a manifestação foi pacífica e reuniu cerca de 240 motos.

A manifestação foi encerrada antes das 10h, sem incidentes.  

Visitantes Online:

Temos 924 visitantes e Nenhum membro online