Estive no local (Estrada Carlos Antonio Pereira de Castro) ontem (24/08) por volta das 19:30 hs, assim que vi o incêndio fiquei chocada pois dava pra enxergar aqui da minha casa, no Carneiro Vianna.

E olha que existe uma distância considerável daqui até o local da queimada, liguei para o 193 onde fui atendida e informada que outras pessoas já haviam ligado pra denunciar o incêndio (inclusive o porteiro do Carneiro Vianna), mas que infelizmente não havia carro disponível pra apagar o fogo.

Peguei o carro e fui até o local pra ver como podia ajudar, mas as labaredas eram enormes e os moradores das casas vizinhas estavam desolados pois não tinham meios de conter o incêndio, alguns usavam mangueiras nas casas que ficam localizadas lá no meio da mata, pois elas estavam cercadas pelo fogo.

Nem deu pra tirar fotos direito devido a gravidade da situação. Conversei com alguns moradores que me relataram que é a segunda vez este ano que surge uma queimada na região, e que os bombeiros quando acionados não comparecem ao local, alegando falta de carro.

Hoje voltei ao local, tirei várias fotos do estrago, mas não encontrei nenhum morador pra conversar.

Enfim, a cerca de 15 dias atrás vimos uma outra queimada na mesma estrada em frente ao condomínio Quintas de São Fernando, meu marido disse que viu um carro da PM parar, o policial desceu, olhou e foi embora.

Todo dia sentimos o cheiro de mato queimado e a fumaça às vezes entra dentro de casa, infelizmente parece que as pessoas não se dão conta do problemas que causam ao queimar mato seco. Fora que pelo que eu saiba, queimada é crime!

Elis Pinheiro

Visitantes Online:

Temos 336 visitantes e Nenhum membro online