"Venho reclamando junto a Prefeitura sobre uma invasão que está acontecendo do lado do meu sitio. O terreno é de propriedade da USP pelo que me informaram", diz a carta recebida de uma moradora do local.

Segundo ela, esta invasão fica na Avenida das Cruzadas no bairro Paisagem Casa Grande na altura do número 333, lado direito. "Ao fundo dos terrenos particulares, quem passa nem imagina o que tem lá dentro".

No local ela denuncia que estão derrubando árvores à vontade, é lixo por todo lado. "Barracos são levantados da noite para o dia, um absurdo. Já reclamei com a Defesa Civil que empurrou para o Meio Ambiente que empurrou para a Prefeitura que não me atende", relata.

Enfim, no último domingo(24 de outubro) na tentativa de não deixarem terminar outro barraco que estavam construindo, a polícia foi chamada. "Com muito custo e demora apareceu a guarda municipal de cotia que mandou derrubar o barraco já em construção. Mas assim que a polícia virou as costas o líder deles disse que iria fazer favela mesmo e que se dane quem está incomodado", disse.

A informação é de que o indivíduo que ameaça as pessoas invadindo o terreno alheio, nunca está sozinho, e anda com várias pessoas amedrontando quem ali vive e quer sossego.

"Não agüento mais pegar lixo, saco plástico e destorcer a minha cerca pois eles invadem aqui para pegar banana". Os moradores tem medo, pois já ameaçaram envenenar os cachorros. "Tenho medo pelo meu filho, pelo meu marido e pelos meus vizinhos que pagam seu terreno para poder viver melhor num lugar seu", ressalta.

N.R. Cópia dessa carta foi encaminhada à Prefeitura de Cotia e à Secretaria de Segurança Pública do Município em 25/10/2010

Visitantes Online:

Temos 723 visitantes e Nenhum membro online