Por César Tibúrcio

A foto foi tirada no dia 09 de julho de 1952, pelo sr. José Mathias Pedroso, ele estava em cima do reservatório de água (na caixa d´agua que fica na Câmara Municipal).

Na praça podemos observar; a casa que fica em frente a igreja, era residência e comércio, lá morou o sr. Carlos Barreto, foi a farmácia do sr. Barros e a barbearia do Tarrachinha.

Próximo a torre da igreja também aparece a torre da igreja da Nossa Senhora da Penha, onde hoje é um estacionamento de carros. Para quem olha da Igreja da Matriz, do lado direito da praça, existia uma enorme casa no fundo foi o Centro Municipal de Abastecimento Popular, um local que a prefeitura disponibilizou para a venda de mercadoria por preços monores, o responsável era o sr. Mário Sameshima, na frente foi o restaurante do Sr. Nishimura.


Do lado esquerdo pode-se ver uma casa semi demolida, ali foi o armazém do Inho-inhô, antes foi o armazém do sr. Raja Ganem, na parte onde esta demolida era o açougue do sr. Salvador e Ivo (não era o prefeito).

No centro da praça existem algumas barracas que acredito terem sido montadas talvez para alguma festa relacionada a igreja da matriz, no meio tem um coreto que quando havia festas tinha leilão de leitões, e outras coisas.

O carro que se pode ver em frente a igreja da matriz deve ser um Citroen 1111 ligeiro.

Visitantes Online:

Temos 1062 visitantes e Nenhum membro online