Por Regina Steurer

"Eu não acredito em caridade. Eu acredito em solidariedade. Caridade é tão vertical: vai de cima para baixo. Solidariedade é horizontal: respeita a outra pessoa e aprende com o outro. A maioria de nós tem muito o que aprender com as outras pessoas". (Eduardo Galeano)

Caros amigos; Duas dinâmicas têm tomado conta do Projeto Âncora nos últimos meses fazendo com que o espaço vire um verdadeiro canteiro de obras. Cultura e arte de um lado. Sustentabilidade de outro.

Com a chegada do novo circo, que se pretende um Centro Cultural vivo e aberto, grupos de música, de cultura Hip Hop e literatura têm ocupado as tardes de sexta ao ar livre no que tem sido chamado de Parada Cultural. A ideia é mesmo parar o que se está fazendo, sair dos espaços fechados, deixar de lado computadores e cadernos e reuniões e cantar e dançar junto, crianças e adultos. Momento de celebrar a vida, a alegria, a vida em comunidade. E também para aprender, pois nada mais educativo do que arte e cultura.

A falta d'água nos acordou de vez para a urgência de se cuidar da água, da energia, da comida, dos resíduos. A preocupação com a segurança da entidade e o interesse das crianças na solução dos problemas, que em suas comunidades são ainda mais graves, fez com que a entidade elegesse como prioritário tratar da própria sustentabilidade. Oficinas de captação de água, tratamento de água cinza, alternativas de energia, plantação de hortas, banco de sementes, construção de estufas, mini cisternas ocupam a entidade e fazem com que as crianças aprendam a ser resilientes e ajudem suas comunidades a seguir o exemplo do Âncora.

O casamento entre arte e ecologia, entre festa e trabalho, é o que faz prazeroso e motivador o aprendizado que o Projeto Âncora se propõe. Um aprendizado que sirva para a construção de pessoas felizes e sábias, capazes de participar da construção de um mundo mais justo, fraterno e sustentável.

Novos tempos, que podem ser difíceis, mas se forem enfrentados de frente e vividos com sabedoria e arte, podem significar um futuro mais promissor. Mais do que nunca precisamos uns dos outros. Obrigada por você estar conosco.

 


Regina Machado Steurer
Conselheira Projeto Âncora

Visitantes Online:

Temos 443 visitantes e Nenhum membro online