Evento acontece no Centro Cultural Mestre Assis do Embu

O cordel vai invadir Embu das Artes de 31 de maio a 9 de junho. Essa narrativa rimada e metrificada, muitas vezes ilustradas com xilogravura, é patrimônio cultural e imaterial brasileiro. Os folhetos contendo poemas populares geralmente são expostos para venda pendurados em cordas ou cordéis (corda fina e frágil), originando o nome. Os autores, ou cordelistas, costumam recitar os versos de forma melodiosa e cadenciada, acompanhados por viola, como também fazem leituras ou declamações animadas.

A influência do cordel está presente em muitas manifestações artísticas, dialogando com o cinema, a música, o teatro e as artes plásticas. Com raízes no nordeste, teve como seu precursor o paraibano Leandro Gomes de Barros que, junto com outros autores cordelistas, difundiu e promoveu a distribuição e venda desse gênero literário para todo o Brasil.

Com realização da Secretaria de Cultura de Embu das Arte, a coordenação da exposição é de Tin Tin Alves, do Coletivo de Poetas Cordelistas de São Paulo. São artistas convidados: Auricelio, Aurita Tabajara, Benedita do Cordel, Cacá Lopes, Chico Feitosa, Chico Urcine, Cicero Cordel, Cleuza Santos, Costa Senna, Dani Almeida, Edimaria, Ednaldo Cordelista, Isabel Santos, João de Sá, João Resplantes, Josias Patriolino, Josué do Cordel, Moreira de Acopiara, Nando do Cordel, Nivalci Labareda, Pedro Monteiro, Ronaldo Andrade, Tin Tin Alves, Varneci Nascimento, Vital, Luciano Braga e Nilza Dias.

Veja a programação e participe com sua família:

31/5, 19h30 - Abertura Solene com sarau literomusical
1 a 9/6 , 10h às 17h — Tenda/Feira de Literatura de Cordel
2 e 8/6 , 13h - Apresentação musical

Centro Cultural Mestre Assis do Embu
Largo 21 de Abril, 29, Centro, Embu das Artes
Telefone: (11) 4781-4462

Visitantes Online:

Temos 339 visitantes e Nenhum membro online