Da Redação

Município na região do Vale do Paraíba ganhou o título de "Capital Nacional da Literatura Infantil"

Estátua de 13 metros de altura do Cristo Redentor símbolo da religiosidade de Taubaté

Com uma localização privilegiada na região do Vale do Paraíba, a cidade de Taubaté, distante 130 quilômetros da Capital paulista, está próxima de praias paulistas como Ubatuba, no Litoral Norte, e de Campos do Jordão, na Serra da Mantiqueira. Além disso, é a terra natal do escritor Monteiro Lobato, motivo pelo qual recebeu o título de "Capital Nacional da Literatura Infantil".

Para quem gosta das histórias do escritor, uma boa opção é visitar a casa onde Lobato nasceu e viveu até os 12 anos. Atualmente, o local abriga o Museu Histórico e Pedagógico, que reúne um acervo de objetos pessoais e toda a obra do autor. Anexo ao Museu há também uma extensa área verde e espaços para apresentações teatrais com os personagens do Sítio do Pica-pau Amarelo, sua obra mais famosa.

Personagens do Sítio do Pica-pau Amarelo no Museu da cidade

Mas não é apenas a literatura infantojuvenil a marca registrada de Taubaté. A cidade ainda conta com um museu dedicado ao ator e cineasta Amácio Mazzaropi. O local reúne em seu acervo mais de seis mil documentos sobre o artista. Diversas peças cenográficas, assim como equipamentos de época utilizados por ele, estão à disposição dos visitantes. Além de contarem a história do comediante, também ensinam sobre a trajetória do cinema brasileiro.

No Museu Mazzaropi é possível visitar a "Casa do Jeca", que já existia quando o ator comprou a fazenda para construção de seus estúdios e foi aproveitada por ele como cenário em seus últimos cinco filmes.

Museu dedicado a Mazzaropi reúne mais de 6 mil documentos sobre o artista

Artesanato
Outro ponto turístico bastante visitado na cidade é a Rua Imaculada Conceição. Situada numa colina ao sul da cidade, no Alto São Pedro, é conhecida pelas festas folclóricas e artesanato popular executado pelos Figureiros e pela Igreja de Nossa Senhora da Imaculada Conceição.

Casa do Figureiro agrega as atividades de confecção, exposição e venda da arte

No local, os turistas podem acompanhar o processo de produção das peças decorativas, representando os tipos folclóricos da região, peças natalinas, principalmente com imagens da Sagrada Família e que retratam o cotidiano da cidade.

Do Portal do Governo do Estado
Foto: Juliana Branco / Miguel Schincariol

Visitantes Online:

Temos 893 visitantes e Nenhum membro online