Uma idéia para reduzir o calor nas grandes cidades, combater o efeito estufa e evitar problemas como enchentes e transbordamento de esgotos está ganhando cada vez mais adeptos em todo o mundo. São os Telhados Verdes, ou como é mundialmente conhecido Green Roofs. Na verdade é uma maneira de dar vida a cobertura dos edifícios plantando diferentes tipo de vegetações, o que melhora a qualidade de vida e reduz a poluição nos grandes centros urbanos.

Os benefícios dessa técnica são muitos. Os Telhados Verdes melhoram as condições térmicas e acústicas da edificação, tanto no inverno como no verão. Estudos de bioclimatismo indicam que, com o uso de coberturas vivas, seja possível melhorar em 30% as condições de temperatura no interior da edificação, sem recorrer a sistemas de climatização ou ar condicionado artificiais.

Os telhados também ajudam a manter a umidade relativa do ar constante e formam um microclima no entorno da edificação. Em um estudo realizado pela Universidade de Ryerson, em Toronto, foi detectado que a cobertura vegetal de 8% dos telhados da cidade geraria uma economia de mais de $300 milhões em custos como manutenção pluvial, transbordamento de esgotos, contenção de energia e redução das ilhas de calor. Isso sem falar do aumento do verde nos grandes centros urbanos, o que traz mais harmonia, bem estar e beleza aos moradores da região.

Fonte: Ecodesenvolvimento.org

Visitantes Online:

Temos 787 visitantes e Nenhum membro online