Projeto tem como objetivo promover o bem-estar físico e emocional dos refugiados recém-chegados ao país através da Interação Assistida por Animais

A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (SEDS) e o Instituto Nacional de Ações e Terapia Assistida por Animais (INATAA) firmaram uma parceria, na última sexta-feira (13), para a realização do projeto 'Melhor Amigo do Refugiado', que tem como objetivo promover o bem-estar físico e emocional dos refugiados recém-chegados ao país através da Interação Assistida por Animais.

Assinaram o protocolo de intenções, o secretário de Estado de Desenvolvimento Social, Floriano Pesaro; a presidente da Coordenação Regional das Obras de Promoção Humana (CROPH), Carlota Cardoso da Silva; e a presidente do INATAA, Vera Abruzzini; além de Lola e Simba, os dois cães da raça Golden Retriever presentes na cerimônia.

“São Paulo é o estado que mais recebe solicitações de refúgio no país e a Secretaria vem articulando uma rede de apoio para atendimento dessa nova demanda social”, afirmou Pesaro.

A parceria prevê, durante os seis primeiros meses, o desenvolvimento de um projeto piloto no qual serão desenvolvidas metodologias especificas para atendimento destes estrangeiros que sofreram violência e perseguições, além do trauma de terem sido obrigados a abandonar seu país de origem. A prioridade do projeto é o atendimento às famílias, mulheres grávidas e crianças.

De acordo com Cristiane Blanco, psicóloga e responsável técnica do INATAA, os cães voluntários vão ajudar a dar suporte emocional para as pessoas refugiadas nesta nova fase da vida, na maioria das vezes, longe de familiares e amigos que ficaram nos seus países de origem.

A parceria com o INATAA contribui com novas técnicas de apoio às famílias atendidas. A Casa de Passagem já oferece atendimento social, psicológico e jurídico, além de atividades de convivência, ocupacionais e culturais; orientação profissional e jurídica; oficinas de idioma; auxílio para inclusão produtiva; e encaminhamentos para toda rede de políticas públicas necessárias ao empoderamento e fortalecimento dos usuários e a garantia de seus direitos.

Localizada na região central de São Paulo, a Casa de Passagem Terra Nova oferece 50 vagas e já atendeu mais de 210 pessoas desde o início do serviço em outubro de 2014.

Mais informações sobre o INATAA: www.inataa.org.br

Do Portal do Governo do Estado
Foto: Divulgação

 

Visitantes Online:

Temos 1042 visitantes e Nenhum membro online