"Yamma"!
Esse é o novo nome da tigresa que foi retirada de um circo em Teresina, no Piauí, pelo IBAMA, após ser constatado maus tratos ao animal. Ela foi doada ao Circo Latino Americano, por outro circo que faliu.


Com a saúde debilitada e precisando de cuidados especiais, ela deve chegar em Cotia nos próximos dias, e será recebida pelo Rancho dos Gnomos, a exemplo do leão Alex.

Silvia e Marcos Pompeu viajaram nessa quinta-feira com uma equipe de 7 pessoas, para resgatar o animal. Na equipe, a bióloga Andréia, a veterinária Kelly, o cinegrafista Croco, a jornalista Vanessa e o Major Sobrinho do Exército, que também é veterinário e garantirá a retirada do animal no circo.


Silvia Pompeu conversou comigo na terça-feira e contou todo o processo.

"Ela tem 15 anos e está com cegueira em um dos olhos. Já não participa de números no circo há três anos. O Rancho recebeu a consulta do Ibama, pois o parque zoobotânico da cidade não pode ficar com ela, alegando falta de estrutura ", disse.

O Rancho dos Gnomos conseguiu patrocínio para resgatar o animal e trazê-la para o Rancho.

"Tiquiça", como era chamada pelos membros do circo, vai receber o nome de Yamma, uma homenagem de Silvia e Marcos à esposa do Dr. Eduardo Jorge, da Secretaria de Meio Ambiente.


Um caminhão de Guidinho Fecchio foi buscar a tigresa. "São 4 dias de viagem da ida e mais quatro na volta", disse Guidinho. O caminhão deixou Cotia na madrugada de terça-feira, levando todos os apetrechos para a viagem de volta.

"Compramos um "kit" contendo uma bomba aspersora, para borrifar água na tigresa durante a viagem, por causa do calor", disse Silvia, contando que por natureza os tigres são animais que adoram água.

Ela receberá os primeiros cuidados da bióloga Andréia, antes de ser colocada na jaula que a trará á Cotia.Andréia trabalha com florais e deve pulverizar nela um óleo essencial de citronela com cravo, que os felinos amam, para que ela se desloque expontaneamente de uma jaula para outra, sem necessitar de anestésico.

O cinegrafista Croco e a jornalista Vanessa devem documentar toda a viagem.

Susto

Quando o caminhão já estava na estrada há pelo menos dois dias, o Rancho dos Gnomos recebeu a notícia de que o dono do circo havia fugido com a tigresa, para não entregá-la. A polícia foi acionada e iniciou as buscas nas regiões vizinhas. Ontem, minutos antes de irem para o aeroporto, Silvia e Marcos receberam uma ligação do Ibama, informando que o circo já havia sido localizado no sul de Teresina.

Segundo os donos, o circo estava seguindo seu itinerário.

Últimas Notícias

Acabei de falar por telefone com Silvia Pompeu, que me informou que a situação da tigresa é crítica. Bombas estão borrifando água no animal, que está bastante ofegante.
O exército isolou toda a área, após localizarem o circo na fronteira com o Estado do Maranhão.
Os profissionais de saúde do Rancho dos Gnomos estão cercando energéticamente o animal para iniciar os procedimentos de resgate. Teme-se que ela sofra uma parada cardíaca por conta do stress e de estar tão ofegante.

Mais notícias, a qualquer minuto.
Fau Barbosa

Visitantes Online:

Temos 727 visitantes e Nenhum membro online