No frio os portadores de rinite sofrem consideravelmente. Existem diversas causas de agressão ao nariz, mas a qualidade do ar é a principal.

Respirar ar muito frio e seco, por exemplo, pode gerar uma irritação na mucosa. O inverno ainda se caracteriza por maiores níveis de poluição, que agride os órgãos respiratórios.

Na visão oriental, a rinite é relacionada a agressão de fatores atmosféricos, chamados de 'energias patogênicas' tais como: secura, calor, vento, frio e umidade. Na visão da MTC (Medicina Tradicional Chinesa), pessoas que têm uma rinite crônica que não melhora com nenhum tratamento, devem estar com uma deficiência na energia do pulmão e das defesas orgânicas. É que o nariz se relaciona com esse órgão, e ambos com a capacidade de defesa do corpo. O quadro piora com a mudança de tempo, e a pessoa tem resfriados frequentes, fadiga e perda do olfato.

Outro diagnóstico frequente na medicina chinesa é 'a invasão do nariz por vento frio', causando congestão nasal e coriza aquosa. Ele é mais comum no inverno durante a chegada de frentes frias vindas do sul.  Na visão ocidental essas doenças são causadas por vírus, que invadem o sistema respiratório e são mais frequentes no inverno.  Além da gripe clássica causada pelo vírus influenza, existem vários outros como rhinovírus (do resfriado clássico), o parainfluenza, adenovírus (que costuma causar gripe com dor de garganta) e vírus echo e cocksakie.  Por isso a vacinação para gripe ajuda, prevenindo a gripe pelo vírus influenza, mas não atua sobre os outros tipos, reforçando a necessidade de tratamentos adicionais.

As pessoas devem ter cuidado com os remédios usados corriqueiramente como descongestionante nasal. Eles podem solucionar temporariamente o desconforto da congestão nasal, mas se usados de forma abusiva ou continuada, vão causar dependência.  As pessoas que abusam e ficam dependentes desenvolvem um tipo de rinite chamada de 'vasomotora' pela medicina, e cujo tratamento é interromper o medicamento de sofrer com o nariz entupido alguns dias até a dependência ir diminuindo e sumir. Esse tipo de rinite acontece porque, com o uso repetido do decongestionante, os vasos do nariz ficam constante e excessivamente dilatados e com sua parede muito permeável, deixando água e células saírem, que causam a congestão.

Pessoas com problemas crônicos de vias respiratórias precisam se consultar com um médico. É importante uma consulta com um otorrino para afastar problemas como desvio de septo, *pólipos ou adenóides hipertrofiadas (crescidas demais). Isso pode ser diagnosticado com um exame chamado rinoscopia, realizado por esse especialista.  Pode haver necessidade de um raio x ou uma tomografia para afastar a possibilidade de uma sinusite crônica.

Várias plantas têm indicativos que podem ser benéficas no tratamento de resfriados e rinites.  Em geral as mais usadas são aquelas ricas em óleos essenciais.  Eles costumam ter um atividade antiviral e antibacteriana, reduzindo a capacidade agressiva desses micororganismos, além de diminuir a irritação na mucosa.  Os óleos essenciais ainda atuam sobre a mucosa fluidificando as secreções o que facilita sua eliminação.  Muitos ainda são analgésicos e antiinflamatórios, o que contribui para diminuir os sintomas do resfriado.  Entre as plantas ricas em óleo essencial frequentemente usadas temos a hortelã (Mentha piperita), o capim limão (Cymbopogon citratus), a melissa (Melissa officinalis), o gengibre (Zingiber officinale), a canela (Cinnamomum cássia) e as folhas da laranja (Citrus aurantium).  Existem ainda aquelas plantas que estimulam a imunidade como a equinácea (Echinacea purpurea) e a transagem (Plantago major).

Homeopatia apresenta geralmente resultados animadores, assim como a acupuntura.  Ambas têm gerado bons relatos de resultados, e mesmo que ainda não hajam trabalhos científicos comprovando de forma definitiva sua ação, são recomendadas pela OMS nesses problemas.  Na acupuntura pode-se trabalhar pontos específicos para reduzir a inflamação do nariz. E ainda temos a aromaterapia como um recurso para desensibilizar a mucosa nasal, além de purificar o ar.

Como falei anteriormente, as rinites têm relação com a energia dos pulmões na MTC.  Por isso é altamente recomendável fazer algum tipo de exercício respiratório para aprender a respirar melhor. Um dos mais indicados são a ioga e o qigong chinês. Vale lembrar, que independentemente da época do ano, os banhos frios devem fazer parte da rotina de qualquer portador de rinite que queira se livrar dos incômodos que provoca o nariz.

A recomendacao de banho frio e muito cultural. Um estudo mostrou que banho frio traz alguns beneficios como melhora da libido, redução de risco de doença cardíaca e menos incidência de viroses respiratórias, mas não ficou claro porque isso acontece.

*Pólipos ou adenóides hipertrofiadas: Polipos são hipertrifias (aumento) da mucosa do nariz, com uma forma que lembra um cogumelo, que são anormais. Adenóides são órgãos linfoides - parecidos com as amigdalas. Ou seja com células de defesa e que podem inflamar e crescer. Elas - adenóides - ficam no local onde as fossas nasais se abrem na faringe, e se crescem podem dificultar a respiração pelo nariz.

Por Alex Botsaris/Vya Estelar - Medicina complementar

Foto: Fau Barbosa

Visitantes Online:

Temos 358 visitantes e Nenhum membro online