O kuz-kuz ou alcuzcuz nasceu na África Setentrional. Inicialmente, feito pelos mouros com arroz ou sorgo, o prato se espalhou pelo mundo no século XVI, quando passou a ser preparado com milho americano.

No Brasil, a iguaria foi trazida pelos portugueses e acabou se popularizando durante a fase Colonial. Nessa época, estava presente apenas nas mesas das famílias mais pobres e era a base da alimentação dos negros. Preparado pelos escravos, o cuscuz era vendido em tabuleiros pelos mestiços, filhos e netos de cuscuzeiras anônimas.

Aos poucos, o prato foi sendo incorporado à cultura brasileira e ganhou versões regionais e mais sofisticadas. De entrada a prato principal, o cuscuz sofre influências culturais e regionais sem perder o sabor.

INGREDIENTES:
1 lata(s) de Molho de tomate Knorr
1 copo(s) de água
1/2 copo(s) de óleo de milho
2 tablete(s) de caldo de galinha sem gordura
1 unidade(s) de pimentão verde picado(s)
1 unidade(s) de pimentão vermelho picado(s)
1 vidro(s) de palmito picado(s)
1 lata(s) de ervilha
1/2 xícara(s) (chá) de salsinha picada(s)
1 colher(es) (sopa) de molho de pimenta vermelha
2 unidade(s) de ovo cozido picado(s)
2 lata(s) de sardinha sem pele(s) e sem espinhas
50 gr de azeitona verde
2 1/2 xícara(s) (chá) de farinha de milho amarela

MODO DE FAZER:
Leve a água, o molho, o óleo, o caldo de galinha e os pimentões ao micro-ondas por 3 a 4 minutos na potência alta.
Reserve tiras de pimentão, sardinha e palmito para decorar. Acrescente os demais ingredientes e leve ao micro-ondas por 6 a 8 minutos mexendo a cada 2 minutos.

Coloque a pasta obtida em fôrma de anel untada e decorada. Pressione levemente e desenforme imediatamente.

Fonte: Cybercook

Visitantes Online:

Temos 528 visitantes e Nenhum membro online