A 4ª Companhia do 5º Batalhão de Polícia Rodoviária (5oBPRv), alinhada ao "Programa Respeito à Vida - São Paulo Dirigindo com Responsabilidade" e ao "Programa de Redução de Acidentes de Trânsito e Segurança Viária 2011-2020 (ONU)", intensificou em 2019 seu policiamento nas rodovias da Região Metropolitana de São Paulo.

Foi divulgado o Balanço 2019:

Com a presença do Policiamento Rodoviário nas rodovias da região, rodovias Castelo Branco, Raposo Tavares, Estrada dos Romeiros, Cel. Nelson Tranchesi, entre outras, houve o aumento na fiscalização dos condutores e por consequência realizado mais de 20.000 mil testes de bafômetro entre outras fiscalizações de trânsito.

Ao longo do ano, mais de 2.636 condutores foram flagrados sob efeito de álcool ou de outras substâncias psicoativas, que determinem dependência. Houve um
aumento na fiscalização em 29% em comparação ao ano de 2018, o que refletiu na diminuição do número de crime de trânsito por embriagues ao volante, gerando uma redução de 24%, atenuando no número de condutores embriagados que se envolveram em acidente.

Abaixo, o quadro com as estatísticas da acidentes do dia 01JAN18 em comparação com o dia 01JAN19:

Com o foco principal na preservação da vida, a fiscalização de trânsito foi rigorosa e foram lavradas:

* 79.632 autuações de controle de excesso de velocidade; aumento na fiscalização em 47%, o que demonstra que a imprudência dos motoristas ainda é elevada.

* 2.636 autuações em decorrência de motoristas flagrados por dirigirem sob efeito de álcool ou de outras substâncias de efeitos análogo; aumento na fiscalização
em 29%.

* 32.819 autuações por não estarem utilizando o cinto de segurança ou dispositivos de retenção; aumento na fiscalização em 98%.

* 7.903 autuações por ultrapassagens pela contramão de direção; aumento na fiscalização em 13%.

* 52.775 autuações em motociclistas que estavam sem o uso do capacete, viseira ou óculos de proteção e outras infrações; aumento na fiscalização em 55%
Pode-se enfatizar que foram 24 mortes a menos ao se comparar o índice de vítimas fatais do ano de 2018 com o de 2019, um número relevante de pessoas que
puderam voltar em segurança para seus lares.

A Polícia Militar do Estado de São Paulo atua 24 horas visando a diminuição de mortes em acidentes e no combate a criminalidade nas rodovias paulistas,
aumentando a percepção de segurança da população.

Em caso de emergência, acione o Policial Militar mais próximo ou ligue no telefone de emergência 190.
 

Visitantes Online:

Temos 830 visitantes e Nenhum membro online