Foi negado nessa quinta-feira(29), pelo Tribunal de Justiça de São Paulo, o pedido de Habeas Corpus de Valdecir José Faullmann.

Valdecir, de 31 anos e morador do Butantã, é acusado de dois homicídios dolosos (quando há intenção de matar) e lesão corporal. Ele matou um casal no dia  após dirigir 20 km na contramão na rodovia Raposo Tavares, em Cotia (leia matéria).

A decisão da 7ª Câmara Criminal do TJ-SP, foi dada visando assegurar a ordem pública, pois a suspensão da carteira de habilitação não seria suficiente para impedir o rapaz de cometer outros crimes. O acidente causou grande repercussão em Cotia, onde as vítimas eram muito queridas.

O processo que apura o crime ainda está em andamento na 2ª Vara de Cotia.

Saiba mais sobre o acidente.

Matéria e fotos: Fau Barbosa

Visitantes Online:

Temos 856 visitantes e Nenhum membro online