top of page

APAE Barueri recebe doação de dois veículos adaptados do consulado-geral do Japão


Na manhã da última quinta-feira, dia 19, houve uma solenidade na sede da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de Barueri para a entrega de duas vans adaptadas para o transporte de pessoas com deficiência. Compareceram o prefeito Rubens Furlan, o cônsul-geral do Japão em São Paulo, Ryosuke Kawana, e diversas autoridades civis e militares.

Uma banda da Polícia Militar do Estado de São Paulo executou o Hino Nacional Brasileiro, o Hino do Japão, a Canção da Polícia Militar e trechos de diversos sucessos da música nacional e internacional.

A presidente da APAE Barueri, Oslani Garcia, falou da importância do engajamento da sociedade para que a entidade continue funcionando com excelência e aproveitou para anunciar uma emenda na Assembleia Legislativa para que um terceiro veículo (não adaptado) seja entregue à entidade.

“Essa van será muito útil no nosso dia a dia. Precisamos transportar cadeiras de rodas e muitos outros equipamentos para os mais distantes bairros de Barueri”, lembra ela. Para buscar e levar usuários, a APAE Barueri dependia da SDPD (Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência).

Ryosuke Kawana enalteceu a excelência dos serviços prestados pela APAE Barueri e o empenho de voluntários e colaboradores. O cônsul-geral também citou a importância da parceria do Japão com a entidade e a satisfação de seu país poder contribuir para que haja um transporte mais seguro e a melhoria de qualidade de vida da população de Barueri e região.

O prefeito Rubens Furlan agradeceu a doação do consulado-geral do Japão, lembrou que a parceria com a APAE é antiga e que é obrigação do poder público promover o bem-estar da população. “Os pais de pessoas com deficiência podem ter certeza que não estão sozinhos na luta de inclusão”, declarou.

Os veículos Duas vans marca Renault zero km com capacidade para nove passageiros (três cadeirantes e seis acompanhantes) cada. Possui elevador na parte traseira, trilhos, cintos e ganchos para facilitar a acomodação das cadeiras de rodas. O custo total das duas vans no mercado é de R$ 500.000,00.

“São veículos de utilidade pública, portanto, livres de rodízio, pagamento de IPVA e do licenciamento anual”, conta Willamo Loureiro, coordenador administrativo e financeiro da APAE. “Já estamos providenciando a documentação para conseguir a isenção de pedágio nas estradas também”, complementa ele.

Ponto de partida Márcia Bortolanza foi quem intermediou a ação junto ao governo japonês. Ela é empresária barueriense do setor alimentício, além de psicóloga e contabilista e já foi voluntária do grupo Rainha da Paz. Atualmente é mobilizadora de recursos para projetos socioassistenciais da APAE Barueri. Há pouco menos de dois anos iniciou a mobilização junto a empresas e entidades para conseguir essa expressiva doação.

No livro “E Depois que o Coração Aperta?”, escrito em parceria com Even Sacchi, aborda o desafio de orientar os futuros empreendedores sociais, gestores, voluntários e doadores de entidades sem fins lucrativos. Vários vídeos de sua autoria estão disponíveis nas redes sociais. APAE Barueri É uma entidade sem fins lucrativos que atua na prevenção de deficiências, na aplicação de tecnologias assistivas visando a inclusão social e a melhoria da qualidade de vida das pessoas com deficiência. Possui unidades em mais de 2 mil municípios em 24 unidades da federação.

Desde 1996 age em parceria com a Prefeitura de Barueri, onde atende 490 usuários. A fim de manter suas atividades, conta com voluntários e com a doação de empresas e de pessoas físicas, promove bazares e faz campanhas de arrecadação de notas fiscais.

No período de dezembro de 2021 a maio do ano passado a Prefeitura de Barueri fez uma reforma completa nos 3.420 metros quadrados das instalações da APAE Barueri, período em que o atendimento dos usuários ficou por conta da SDPD. “Para diminuir a fila de espera, precisaríamos do engajamento de muito mais pessoas, entidades e empresas”, conta Oslani.

12 visualizações

Comments


bottom of page