Barueri: Governo estadual dá início às obras de extensão da Castello Branco


Na terça-feira, dia 24, Barueri recebeu o governador de São Paulo, Rodrigo Garcia, para a assinatura do início das obras de extensão das marginais da rodovia Castello Branco.


A solenidade de assinatura aconteceu no estacionamento do Ginásio Poliesportivo José Corrêa, no Centro de Barueri. A conclusão das obras está prevista para daqui 35 meses e elas devem gerar cerca de 21 mil empregos diretos e indiretos.


Com um investimento de R$ 815,3 milhões, as obras que vão dar mais fluidez ao trânsito da região de Barueri e das outras cidades ao longo da rodovia.

“O que estamos fazendo hoje em Barueri é planejar o futuro da cidade e da região. Tenho clareza de que o desenvolvimento do estado passa pelo eixo da Castello, o principal eixo de crescimento de São Paulo. Se não fizermos intervenções agora, daqui a algum tempo não vamos mais ver investimentos acontecendo”, declarou o governador.

Obras de extensão das marginais A extensão das marginais da Castello Branco compreende o trecho do km 22 ao km 27, em ambos os sentidos. O projeto prevê ainda a implantação de uma faixa adicional do km 27 ao km 32. As obras serão realizadas pela concessionária CCR/ViaOeste.


As novas marginais vão eliminar gargalos viários na região, principalmente nos horários de pico. Além de veículos de passeio e motocicletas, o trecho entre Barueri e Alphaville registra diariamente tráfego de ônibus intermunicipais e fretados, além de caminhões e utilitários que atuam com transporte de carga, uma vez que a rodovia é um importante elemento logístico no Estado.

“As obras vão separar e organizar os diferentes tipos de tráfego na Castello Branco, especialmente em Barueri, para reduzir o tempo dos deslocamentos e garantir melhores condições de segurança na região”, afirmou o diretor geral da Artesp (Agência de Transporte do Estado de São Paulo), Milton Persoli.


O projeto autorizado pela Artesp também prevê novos elementos de segurança e a construção de duas novas pontes, além da remodelação dos trevos de acesso a Barueri e Alphaville.


Mais de 651 mil habitantes das cidades de Barueri, Jandira e Itapevi, além de trabalhadores da região, estão sendo beneficiados diretamente pelas obras, que também vão melhorar o fluxo viário até a chegada à cidade de São Paulo pela Castello.

13 visualizações