top of page

Barueri: Presas colocam fogo em cela, na Cadeia Pública


Adolescente infrator de 17 anos foi socorrido com mais de 90% do corpo queimado.


Por Fau Barbosa

Por volta das 12h10 desta sexta-feira, 25, duas presas que estavam na Cadeia Pública de Barueri, localizada no DP Central, incendiaram umas das celas.


Segundo a reportagem do Portal Viva apurou, as presas, de 21 e 24 anos, colocaram fogo como forma de protesto. Um adolescente infrator de 17 anos que estava no local, sofreu queimaduras por todo o corpo.


A Cadeia no local abriga adolescentes infratores e mulheres infratoras que estão em trânsito e aguardam transferência.

A Unidade de Resgate do Corpo de Bombeiros UR-18115 esteve no local, onde prestou os primeiros socorros ao adolescente. Ele foi levado em estado grave ao 18º GB, onde foi socorrido pelo helicóptero Águia à Unidade de Queimados do Hospital São Matheus. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o menor teve 99% do corpo queimado.


Motivação

A reportagem do Portal Viva conversou com o delegado corregedor Dr. Bruno Silva Amato, do Núcleo Corregedor da Delegacia Seccional de Carapicuíba que vai conduzir o caso. O órgão abrange os municípios de Barueri, Carapicuíba, Itapevi, Cotia, Jandira, Santana de Parnaíba e Vargem Grande Paulista.


Segundo o delegado, as duas mulheres estavam presas, uma por tráfico e a outra por furto e incendiaram o local como protesto, já que não concordavam em dividir espaço com um indivíduo de 17 anos, que tinha passagem por estupro, mesmo ele estando em outra cela.


Ainda não se sabe como as presas conseguiram atear fogo na cela do menor. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil e foi registrado no DP Central de Barueri, em Boletim de Ocorrência de natureza "Homicídio" (art. 121) tentado - § 2º - Se o homicídio é cometido: III - com emprego de veneno, fogo, explosivo, asfixia, tortura ou outro meio insidioso ou cruel, ou de que possa resultar perigo comum; e "Incêndio Doloso" (art.250).


Também está sendo registrado um TC - Termo Circunstanciado onde o carcereiro responderá em liberdade, administrativamente, por Incêndio Culposo.






213 visualizações

コメント


bottom of page