top of page

Comédia romântica “Separe Agora ou Case-se para Sempre” estreia em São Paulo

Espetáculo estreia em março no Teatro Jardim Sul. Os ingressos já estão à venda.

 

Maria Amélia, por volta dos 30 e poucos anos, considera que se casou precipitadamente com Sérgio, um pouco mais velho do que ela, e não teve tempo de conhecer aquele homem por quem se apaixona. E na convivência descobriu nele um ser neurótico e controlador, podando nela seus grandes desejos: ela sempre gostou de sair, passear, dançar, curtir a vida. Mas com o casamento, sua vida se tornou um marasmo completo. Até que um dia, sua mãe morre e ela tem a chance de dar o grito de independência e despachar aquele homem de sua vida (ou ao menos tentar). Só que Sérgio não se conforma e vai fazer de tudo para ficar perto dela usando os mais loucos artifícios em tentativas até mesmo insanas.

Essa é uma comédia romântica com trechos frenéticos, mas temos também algumas pinceladas de romantismo e emoção. O texto propõe mostrar que há casais que se separam e um não quer ver o outro nem pintados de ouro, mas que há outros em que a retomada pode dar certo a partir de várias reconsiderações e em se tratando desta história... a partir de vários trechos divertidos, farsas, loucuras e reviravoltas.

 

“Eu já sabia que queria fazer uma comédia romântica com a Fernanda. Não sentimos vontade de montar na primeira vez que lemos. Meses depois tive um “estalo” e uma vontade de montar de uma forma bem diferente, quebrando a quarta parede e o trabalho de ator e personagem, fazendo com que toda a história aconteça no palco, inclusive as trocas de roupas”, conta Theo.

“Separe Agora ou Case-se para Sempre” é escrita por Júnior de Sousa, produzida pela Ferbeck Produções e com direção de Theo Hoffmann. No elenco, estão Theo Hoffmann e a atriz Fernanda Valverde. Uma comédia romântica com entrechos frenéticos, mas também com algumas pinceladas de romantismo e emoção. Um espetáculo envolvente, onde os atores não saem do palco, nem mesmo nas trocas de figurino.

 

“Estamos vivendo tempos difíceis, com acontecimentos e notícias muito pesadas. Ir ao teatro faz com que a gente entre em contato com o ser humano, sair um pouco da tela, e essa comédia faz com que o público se divirta, dê risada, achando-a absurda e saia de lá mais leve, além de trazer uma mensagem com a mudança dos personagens ao longo da história”, afirma o diretor e ator.

A peça estreia dia 02 de março, às 20h30, no Teatro Jardim Sul, e segue em curta temporada aos sábados, sempre no mesmo horário.

 

Ficha Técnica:

Texto: Júnior de Sousa

Direção geral e produção: Theo Hoffmann

Assistente de Direção e Produção: Rita Mirone

Elenco: Theo Hoffmann e Fernanda Valverde

Assistente de produção e Operação de Som: Ettore Meireles

Cenário, figurinos e adereços: Ângela Schoendorfer

Criação de arte: Ricardo Espigado

Iluminação: Vanderlei Conte

Realização: Ferbeck Produções

 

Serviço:

“Separe Agora ou Case-se para Sempre” 

Estreia dia 02 de março de 2024

Curta temporada

Aos sábados, às 20h30

Teatro Jardim Sul - Rua Itacaiuna, 61, Piso 2. Shopping Jardim Sul. Vila Andrade. São Paulo – SP.

Ingressos: R$40,00 (meia) e R$80,00 (inteira)

Gênero: Comédia

Duração: 60 minutos

Classificação indicativa: 12 anos

 

Sobre o elenco:

THEO HOFFMANN - Ator, diretor e produtor da FERBECK PRODUÇÕES, o gaúcho de Bom Jesus, estabelecido em São Paulo há mais de 5 anos, interpreta Sérgio. Após ser diretor em “Pluft, O Fantasminha”, primeiro espetáculo da Ferbeck, além de dirigir, Theo atuou em “A Bruxinha Que Era Boa" e “Doce Traição”. Atua desde os 12 anos e além da “Bruxinha”, esteve em cartaz na peça “Depois Daquela Noite”, de Carlos Fernando Barros, em 2019.

 

FERNANDA VALVERDE - Atriz, paulista, interpreta Maria Amélia. Fernanda atua desde 2014 em teatro, TV e cinema, estrelando espetáculos como: “Deu Match”, comédia de Natan Bandeira e direção de Carlinhos Machado. Protagonizou o curta metragem de terror independente chamado “Voyer”. Com a Ferbeck atuou na produção de “A bruxinha que era boa”, texto de Maria Clara Machado e direção de Theo Hoffmann.

 

Sobre a produtora:

A Ferbeck Produções foi criada em setembro de 2017 pelo ator e diretor Theo Hoffmann com o intuito de revisitar textos clássicos do teatro brasileiro. Em 21 de outubro do mesmo ano estreou a peça infantil “Pluft, O Fantasminha”, de Maria Clara Machado, uma das peças infantis com mais premiações no Brasil. Em continuidade com a mesma autora, a produtora lançou no início de 2018, “A Bruxinha Que Era Boa”, que obteve ótima receptividade do público, assim como o Pluft. Ainda dentro da linha infantil, no final de 2018, no Teatro Jardim Sul, no qual já tinham sido encenadas as peças de Maria Clara Machado, estreou a peça “As Aventuras do Super-Espantalho Contra o Dr. Corvo”, do dramaturgo gaúcho Ivo Bender. Dessas três peças, “A Bruxinha Que Era Boa” ainda permanece em cartaz após o hiato causado pela pandemia de Covid-19.

 

36 visualizações

Comments


bottom of page