Cotia: Equipe de Baep resgata vítima em cativeiro e prende quadrilha


Um dos bandidos morreu em troca de tiros com os policiais.

Por Fau Barbosa

Neste sábado, 6, por volta das 15h30, policiais militares receberam a informação via Copom de que indivíduos em um veículo Ford Fiesta prata teriam abordado o motorista de um veículo GM S10 prata, colocando a vítima no interior do Fiesta e tomando destino ignorado.


Como haviam vários roubos por Cotia, várias equipes do 5º Baep estavam pela cidade em uma operação de saturação. Algumas viaturas, então, passaram a intensificar o patrulhamento pela região do Mirizola, com vistas ao veículo.


Em determinado momento, a equipe do Baep31 avistou na altura do nº 3.100 da Estrada Velha de Itapevi, no Parque Riso II, um veículo com as mesmas características estacionado dentro da garagem em uma residência, que estava com o portão entreaberto. Como constataram se tratar do mesmo veículo irradiado pelo Copom, os policiais pararam para averiguação, com o apoio de outras viaturas.


Um indivíduo que estava no interior do veículo, ao perceber a presença das viaturas, tentou correr e entrar na residência, mas acabou sendo detido. Ele estava armado com uma pistola Taurus, calibre .40., com numeração raspada e dez munições intactas. Ao verificar o veículo, os policiais notaram que havia, em seu interior, uma vítima encapuzada, a qual foi resgatada ilesa pelos policiais. A vítima reconheceu o indivíduo detido e contou que ficou mantida como refém por cerca de três horas, até a chegada da Polícia. Segundo ele, que chegou a entrar na casa, ouviu vozes de uma mulher e dois outros indivíduos.


As equipes então cercaram a casa, indo por trás. No interior da residência, estavam uma mulher e seu filho. Um outro indivíduo correu para os fundos no momento da entrada da polícia, acessando uma região de mata.


Ao revistarem o local, os policiais encontraram a chave do veículo da vítima de sequestro, assim como seus documentos e cartões de banco. No interior da residência, foram localizados uma réplica de fuzil (simulacro) e um colete balístico de segurança, além de diversos celulares.


Confronto

A equipe Baep 32, que realizava o cerco pela parte dos fundos da residência, deparou-se com o indivíduo empreendendo fuga. Ao ver a equipe, ele disparou três vezes contra os policiais, que revidaram. No confronto, o indivíduo foi alvejado no tórax e na perna, caindo em um lugar onde passava o esgoto. O indivíduo não largou a arma e precisou ser desarmado. Com ele foi apreendida uma pistola PT .380 com numeração raspada e oito cartuchos picotados. A a arma constou como produto de roubo de um policial militar aposentando, que há aproximadamente três meses, havia sido roubado e agredido com coronhadas pelos criminosos. Foi solicitado o apoio da Unidade de Resgate, que socorreu o indivíduo ao PS do Hospital de Cotia, onde veio a óbito.


A prisão

A vítima, o indivíduo, a mulher e seu filho, foram presos e encaminhados ao DP de Cotia. As armas, colete, celulares e uma moto em nome de terceiro foram apreendidos.

A mulher disse à Polícia que estava dormindo e viu o veículo Fiesta estacionado em sua garagem, mas que ele seria de um amigo do seu filho. Ela não viu a vítima no seu interior, pois os vidros eram escuros.

O filho e o indivíduo que estava com a vítima não se manifestaram, dizendo que só falariam em juízo.

A autoridade policial ratificou a voz de prisão em flagrante, determinando o registro do boletim de ocorrência de natureza "Roubo qualificado", com utilização de arma de fogo e grave ameaça, além da retenção da vítima em cativeiro. A mulher e os dois indivíduos foram recolhidos à Cadeia Pública. Eles serão apresentados posteriormente em Audiência de Custódia.


No final do flagrante, compareceu no DP uma mulher, que foi até o Hospital de Cotia, onde reconheceu o indivíduo morto como sendo seu filho.


A vítima não soube dizer qual o valor que foi transferido de suas contas. Até o final do registro do boletim, seu veículo não havia sido encontrado. Seus pertences, localizados no cativeiro, foram devolvidos.


Baep Denúncias

O Baep disponibiliza à população um canal de disk-denúncias, com sigilo absoluto.

Obs: O Baep atende uma área muito grande, se não tiver as informações completas não será possível verificar. As denúncias são verificadas conforme a gravidade e riqueza de informações.

Qualquer informação pode ser encaminhada pelo whatsapp 11 96647-0413.


ATENÇĀO ESSE CANAL NÃO É PARA EMERGÊNCIAS

Emergências, uso de drogas, som alto, baile funk, aglomeração COVID 19 etc. Ligue 190.





935 visualizações