top of page

Cotia inicia a vacinação seletiva contra meningite nas UBS’s até 28/02


A vacinação visa imunizar jovens contra a meningite ACWY, mesmo que tenham sido vacinados na primeira infância além de aplicar a vacina contra a meningite C naqueles que nunca se vacinaram contra a doença

A Prefeitura de Cotia, por meio da Secretaria de Saúde, realiza uma ação de vacinação seletiva contra a Meningite C e de rotina contra a ACWY em todas as Unidades Básicas de Saúde do município. Serão vacinados contra a Meningite C todos os jovens com idade entre 15 e 19 anos que não receberam a vacina na idade na idade recomendada e, contra a ACWY, serão vacinadas todas as crianças com idade entre 11 e 14 anos – mesmo as que já tenham sido vacinadas na primeira infância. A ação seletiva acontecerá até o dia 28 de fevereiro, sempre de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h.

Para ser vacinado, basta a criança ou adolescente comparecer à UBS mais próxima com documento e caderneta de vacinação e estar acompanhado de um responsável maior. A vacina contra a Meningocócica ACWY protege contra quatro subtipos da doença e foi incluída no calendário de vacinação do SUS em 2020. A recomendação é para que ela seja aplicada em jovens, mesmo que já tenham tomado a meningocócica C na infância.

“É importante que os pais e responsáveis tenham em mente que, mesmo que o seu filho tenha sido imunizado com a Meningoco C quando era bebê, terá que receber a vacina contra a ACWY na adolescência”, disse Silvana Silva, coordenadora da Vigilância Epidemiológica de Cotia. “Com esta ação de vacinação seletiva estamos convocando os pais a retornarem com os seus filhos de 11 a 14 anos para receberem a ACWY, mesmo que já tenham sido imunizados na primeira infância, vai ser um reforço. Além disso, os de 15 a 19 anos serão vacinados contra a Meningoco C, caso não tenham recebido a vacina na idade preconizada (3 meses, 5 meses e 12 meses)”, destacou.

A ação seletiva contra a Meningite C para jovens de 15 a 19 anos vai até o dia 28 de fevereiro. “Depois desta data retomaremos as aplicações apenas para a faixa etária preconizada no calendário de vacinação”, salientou Silvana Silva. A doença Meningocócica frequentemente deixa sequelas ou leva à morte. Por ser uma doença grave, de evolução rápida e com potencial de causar epidemias.


123 visualizações

Comments


bottom of page