top of page

Feminicídio: Mulher é morta pelo marido com 17 facadas, em Santana de Parnaíba

Indivíduo tentou fugir mas foi preso em flagrante pela Guarda Civil.


Um homem de 39 anos foi preso em flagrante na noite de quarta-feira,19, após matar a esposa e ferir o irmão dela.


O crime aconteceu no apartamento do casal, no bairro da Fazendinha, em Santana de Parnaíba. A vítima, de 29 anos foi esfaqueada 17 vezes.


O crime

A Guarda Civil foi acionada por volta das 20h, para atender ocorrência informando que no local dos fatos havia um morador com uma faca em mãos. Chegando ao endereço, os guardas souberam que o morador havia na verdade tentado matar sua companheira com golpes de faca, atingindo-a no tórax e nas costas.


A vítima foi socorrida à UPA Fazendinha, onde chegou sem respiração e sem batimentos cardíacos. Imediatamente foi usado o aparelho desfibrilador e a mulher voltou a respirar sendo transferida para o Hospital Regional de Carapicuíba onde entrou em cirurgia. Segundo a equipe do SAMU, que socorreu a vítima, ela teria sofrido pelo menos 17 golpes de faca pelo corpo. O marido foi capturado e preso em flagrante dentro do condomínio. Ele estava tentando fugir pelas escadas.


A Autoridade Policial foi informada. No local, a equipe de policiais civis da DDM conseguiu as filmagens do circuito interno do condomínio, as quais captaram o marido com uma faca em punho. Nas imagens também é possível ver a vítima sendo socorrida.Em contado com a equipe médica do Hospital Geral Carapicuíba, foi informado que a mulher estava em situação crítica, passando por cirurgia. Durante o registro da ocorrência, os policiais foram avisados que ela não resistiu aos ferimentos e veio a óbito após a cirurgia.

Manchas de sangue no apartamento do casal


Depoimentos

Segundo um dos guardas que atendeu a ocorrência, no momento da prisão o homem estava muito agitado e dizia: "Matei ela, fui traído, por isso matei". Ele foi encaminhado ao SAMEB de Barueri para atendimento médico.O irmão da vítima, que morava com a irmã e o cunhado contou à polícia que o casal estava discutindo no quarto e passados alguns minutos, percebeu que a discussão tinha passado para agressões. Nesse momento ele abriu a porta do quarto e viu o homem sobre sua irmã, entre o guarda roupas e a cama, golpeando-a com uma faca e atingindo-a por várias vezes na região do tórax.


Diante da situação, ele saiu em defesa da irmã e conseguiu conter o cunhado. Ele levou a irmã até a cozinha, quando de repente o cunhado apareceu e desferiu mais três golpes de faca nas costas da esposa. Com a irmã já desacordada pediu socorro e algum vizinho acionou a GCM. Ao tentar tirar a faca do cunhado o irmão acabou cortando a mão.


Na delegacia, o criminoso disse à polícia que mantinha um relacionamento de nove anos com a vítima, e tinham uma filha de 4 anos de idade. Sobre os fatos, ele preferiu permanecer em silêncio e disse que apenas irá se manifestar perante o juiz.


A Autoridade Policial determinou a preservação do local do crime requisitando perícia e representando pela conversão da Prisão em Flagrante em Prisão Preventiva.


O caso foi registrado no DP de Santana de Parnaíba, em boletim de natureza "L 11.340/06 - Violência Doméstica; Homicídio (art. 121) - Feminicídio-contra a mulher por razões da condição de sexo feminino".

Comments


bottom of page