top of page

Homem pede carona, esfaqueia motorista e é preso em flagrante em Vargem Grande Paulista


Vítima está internada em estado grave


Fau Barbosa

Na noite desta quinta-feira, 13, por volta das 20h40, policiais militares foram acionados para atender ocorrência de indivíduo esfaqueado na via, em Vargem Grande Paulista.

Ao chegarem ao local, na Av. Presidente Kennedy, no bairro Portão Vermelho, encontraram a vítima caída ao solo, com marcas de facadas no abdomén, agonizando de dor.


O Samu foi acionado e socorreu a vítima ao PS de Vargem Grande Paulista, porém, pela gravidade, ela foi transferida ao Hospital Regional de Cotia onde permaneceu internada.


A Autoridade Policial foi informada e acionou a perícia. Segundo a Polícia Civil, o hospital informou que o estado da vítima era grave e estava sendo submetida à cirurgia.


Os fatos

Distante uns 300 metros do local do crime, estava uma mulher de 36 anos, sozinha. Ao ser questionada, ela alegou que juntamente com seu companheiro pegaram carona no carro da vítima. Após embarcarem houve uma discussão e o companheiro acabou esfaqueando a vítima. Um outro indivíduo que estava de passageiro tomou a faca do companheiro e desferiu facadas nele.


O companheiro, de 23 anos, foi localizado ao lado de uma igreja na rua Solimões e foi socorrido ao PS de Vargem Grande Paulista, com escoriações leves no braço, perna e mão esquerda, e sem risco de vida.


Interrogado, ele declarou que estava andando na rua com sua mulher, indo para a casa da mãe, quando viu um carro com dois indivíduos e mesmo sem conhecer os dois, pediu carona. Ele e a mulher teriam entrado no veículo e após uma discussão ele pegou a faca que estava na cintura e deu o golpe. Segundo depoimento que consta do boletim de ocorrência, o autor disse que não se arrepende de nada e sua intenção era matar, afirmando que é usuário de drogas, porém teria praticado o crime conscientemente.


Diante dos fatos, a Autoridade Policial, Dr. Adair Marques Correa Junior solicitou perícia e diante dos relatos e das circunstâncias entendeu que o indivíduo agiu com o deliberado propósito de matar a vítima, decretando sua prisão em flagrante por "Homicídio (art. 121) tentado", II - por motivo fútil; IV - à traição, de emboscada, ou mediante dissimulação ou outro recurso que dificulte ou torne impossível a defesa do ofendido.


A Autoridade Policial também entendeu que o amigo teria agido em legítima defesa, sua e da vítima.


A faca foi localizada dentro do veículo e apreendida pela perícia.




1.608 visualizações

コメント


bottom of page