top of page

Itapecerica da Serra: Ladrões roubam veículo, trocam tiros com a PM, batem na viatura e são presos


Um revólver calibre .38 municiado foi apreendido.


Por Fau Barbosa

Por volta das 01h da madrugada desta sexta-feira, 11, policiais militares faziam patrulhamento pela Avenida Guacy Fernandes Domingues, no bairro Embu Mirim, em Itapecerica da Serra, quando visualizaram um veículo HB20 e um GM/Celta em atitude suspeita. O motorista do HB20, ao ver a viatura, saiu em alta velocidade e entrou na primeira rua, sendo seguido pelo Celta.


Iniciou-se uma perseguição e no percurso, um adolescente de 16 anos que estava como passageiro do veículo GM/Celta, abriu a porta e, com o veículo em movimento, passou a fazer disparos contra os policiais, que revidaram.


Como estavam em alta velocidade, o HB20 acabou colidindo de frente com uma viatura policial de outra guarnição que vinha no sentido contrário para dar apoio. Na sequência, o veículo GM/Celta acabou colidindo na traseira do veículo HB20.

O indivíduo que estava no HB20 conseguiu se evadir pela mata. No veículo GM/Celta foi identificado M.N.S., de 30 anos, o qual foi atingido por um disparo na perna direita e era quem conduzia o veículo. O adolescente de 16 anos, que estava como passageiro e efetuou os disparos contra os policiais, foi atingido por três tiros (um no abdômen, um na mão direita e outro região pélvica). Os dois foram socorridos conscientes e estáveis pela equipe de Samu ao Hospital Geral de Itapecerica da Serra, onde o motorista foi medicado e preso. O adolescente permaneceu internado.


Com os meliantes foi apreendido um revólver Rossi calibre .38, municiada com dois cartuchos íntegros e dois picotados e com numeração suprimida.

A Autoridade de Plantão, uma vez cientificada acerca dos fatos, determinou a preservação do local e provas, bem como requisitou perícia técnica para o local e o veículo e exame residuográfico aos envolvidos.

O veículo GM Celta, objeto do roubo, foi entregue à vítima, e o veículo HB20, utilizado para o roubo, foi apreendido.


O Roubo

A vítima e proprietária do GM Celta, de 32 anos, contou à Polícia que retornava do Pronto Socorro de Embu das Artes com suas três filhas menores de idade quando, ao parar o automóvel em frente a sua residência para entrar na garagem, teve o carro fechado por um veículo HB20 prata, do qual desceram quatro indivíduos, todos armados. A mulher disse que eles podiam levar o carro, porém, iria tirar as suas filhas. Assim que as crianças desceram, dois dos indivíduos entraram no veículo e saíram em alta velocidade.


O motorista do HB20 disse à Polícia que na noite anterior, estava no bairro do Jd. Branca Flor com o adolescente, quando dois conhecidos que não sabe o nome e estavam em um veículo HB20, passaram e os convidou pra sair. Eles entraram no veículo, onde souberam que o veículo onde estavam acabara de ser roubado no bairro do Valo Velho.


Premeditadamente, os quatro saíram em busca de praticar novo roubo, quando no bairro do Jd. Sadie, em Embu das Artes, viram um veículo GM/Celta encostando e resolveram roubá-lo. O indivíduo que conduzia o HB20 parou na frente do GM/Celta, fechando o veículo. Os quatro desceram do HB20 e abordaram a mulher do GM/Celta, que estava com três crianças no banco traseiro e pediu para deixar ela tirar as filhas. O ladrão ainda tentou devolver as chaves da casa da mulher, mas os comparsas estavam com pressa. Ele assumiu a direção do GM/Celta e o adolescente entrou ao lado, como passageiro. Quando estavam voltando para casa no bairro do Jd. Branca Flor, depararam com uma viatura da Polícia Militar e tentaram se evadir.


O adolescente internado no Hospital Geral de Itapecerica da Serra, está sob escolta da Polícia Militar. A Autoridade Policial decretou a prisão em flagrante, representando pela prisão preventiva. Diante da gravidade da conduta do adolescente, a Autoridade Policial determinou a sua apreensão.


O caso foi registrado no DP de Itapecerica da Serra, em boletim de ocorrência de natureza "Roubo" (art. 157) subtraindo coisa móvel alheia, mediante grave ameaça ou violência a pessoa, com grave ameaça exercida com emprego de arma de fogo e concurso de duas ou mais pessoas; "Resistência" (art. 329); Ato infracional de Roubo (art. 157)" e Ato infracional de "Resistência" (art. 329).

Segundo o boletim de ocorrência, os policiais agiram no amparo legal das causas de exclusão da ilicitude da legítima defesa própria e do estrito cumprimento do dever legal.


Atenderam a ocorrência as viaturas M-25112 e M-25113, com apoio da Equipe do CGP 01 e do Samu A2.



191 visualizações

Comentários


bottom of page