Itapevi inaugura nova Delegacia da Mulher


Novo endereço da DDM fica na Rodovia Engenheiro Renê Benedito da Silva, 890, em prédio que abrigará Secretaria de Segurança e Mobilidade Urbana

A Prefeitura de Itapevi e a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo entregaram oficialmente à população, nesta quinta-feira (6), o novo prédio da Delegacia de Defesa da Mulher de Itapevi, na Rodovia Engenheiro Renê Benedito Silva 890, no Jardim Santa Rita.

O espaço lúdico e acolhedor foi construído para oferecer um melhor atendimento aos moradores, está aberto ao público desde o último dia 20 e funciona de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h.

“Essa transferência foi fundamental para garantir aos funcionários e usuários um espaço melhor estruturado, com mais segurança e conforto para todos. Em Itapevi, teremos tolerância zero em relação à violência contra a mulher e à pedofilia”, explicou o prefeito Igor Soares.

“Antigamente a DDM funcionava em uma casa adaptada. Agora, estamos em um local especialmente projetado para as necessidades do nosso atendimento, com salas privativas e planejadas para oferecer amparo às mulheres, crianças e adolescentes”, completou a delegada titular da Delegacia de Defesa da Mulher de Itapevi, Priscila Camargo Campos Gonçalves.

O novo espaço oferece um ambiente planejado e acolhedor para mulheres, crianças e adolescentes, vítimas de violência. A DDM possui uma recepção ampla, com brinquedoteca, plantão de atendimento e salas de apoio para agentes da Guarda Municipal, Polícia Militar, Conselho Tutelar e advogados que acompanham as ocorrências, além de cartórios, salas de investigação, sanitários e carceragem provisória para acusados.

A DDM Itapevi também conta com a Sala Lilás, que oferece acolhimento com mais conforto e privacidade para as mulheres, e a Sala de Escuta - ambiente lúdico planejado onde as crianças, vítimas de violência, são ouvidas por profissionais especializados.

Em funcionamento há quatro anos na cidade, atualmente, a delegacia é mantida com estrutura própria, do Governo do Estado, e conta com o apoio de funcionários da Prefeitura e de uma guarnição da Guarda Municipal para dar suporte aos trabalhos desenvolvidos.

De janeiro até agora, foram registrados 649 boletins de ocorrências na DDM Itapevi - uma média de 90 registros por mês. As principais ocorrências são de ameaça, violência doméstica e estupro de vulneráveis.

Secretaria de Segurança No prédio, com quatro pavimentos, também serão alocados, a Secretaria de Segurança e Mobilidade Urbana de Itapevi, o DEMUTRAN (Departamento Municipal de Trânsito), o COI (Centro de Operações Itapevi) e a base da Guarda Civil Municipal, departamentos que hoje funcionam no antigo Paço Municipal, na av. Joaquim Nunes, no Centro.

Disque 100 ou disque 180 Caso qualquer cidadão presencie uma violência praticada contra mulher, criança ou adolescente, deve ligar no Disque 100 ou Disque 180 que as denúncias serão encaminhadas para a DDM.

Fotos: Pedro Godoy - ExLibris PMI