Itapevi inicia vacinação contra Covid-19 para pessoas entre 40 e 44 anos com comorbidades


Nesta sexta-feira (28) poderão receber a primeira dose do imunizante contra a Covid-19 pessoas com comorbidades (veja relação abaixo) e deficiências permanentes contempladas com o Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social (BPC), na faixa de 40 a 44 anos, em Itapevi.


Essas pessoas deverão comparecer aos pontos de vacinação na cidade: Comunidade Kolping Cristo Rei (Rua Brasília Abreu Alves, 33 – Jardim São Carlos) ou no Ginásio de Esportes (Avenida Rubens Caramez, 1000A – Vila Aurora), de segunda a sexta-feira, sempre das 8h às 16h. Nestes dois postos de imunização também funciona o esquema Drive-Thru.


As pessoas neste grupo prioritário deverão apresentar documento com foto constando o número do CPF, comprovante de endereço, documento com a condição de risco por meio de laudo médico, exames, receitas, relatório ou prescrição médica, ou seja, pelo menos um destes comprovantes. As pessoas com deficiência permanente precisam apresentar o comprovante do recebimento do BPC.


Antes de tomar a vacina, devem realizar o pré-cadastro no site do Governo do Estado de São Paulo (www.vacinaja.sp.gov.br). As informações pedidas pelo portal são CPF, data de nascimento, nome da mãe, endereço, telefone para contato e e-mail.


A vacina contra a Covid-19 deve ser administrada em duas doses para garantir a eficácia do medicamento. Assim que for aplicada a primeira dose, a pessoa já será informada sobre a data do retorno para receber a segunda dose.


A partir do dia 1º de junho, hipertensos em Itapevi podem se vacinar contra a Covid-19 com receita de apenas um remédio.


Veja abaixo a relação de comorbidades definidas pelo Ministério da Saúde:

  • Doenças Cardiovasculares • Insuficiência cardíaca (IC) • Cor-pulmonale (alteração no ventrículo direito) e Hipertensão pulmonar • Cardiopatia hipertensiva • Síndromes coronarianas • Valvopatias • Miocardiopatias e Pericardiopatias • Doença da Aorta, dos Grandes Vasos e Fístulas arteriovenosas • Arritmias cardíacas • Cardiopatias congênitas no adulto • Próteses valvares e dispositivos cardíacos implantados • Diabetes mellitus • Pneumopatias crônicas graves • Hipertensão arterial resistente (HAR) • Hipertensão arterial – estágio 3 • Hipertensão arterial – estágios 1 e 2 com lesão e órgão-alvo e/ou comorbidade • Doença Cerebrovascular • Doença renal crônica • Transplantados; • Anemia falciforme e talassemia maior (hemoglobinopatias graves) • Obesidade mórbida • Cirrose hepática

Foto: Pedro Godoy ExLibris PMI