Osasco: Denúncias de maus-tratos contra animais podem ser feitas por app


Osasco agora conta com um importante aliado no combate aos maus-tratos contra animais. Desde o dia 10 de março, munícipes podem fazer denúncias desse tipo por meio da Central 156 (3651-7080), ou pelo App 156 Osasco, disponibilizado para sistemas IOS e Android.


A iniciativa, criada pela administração municipal em parceria com o deputado estadual delegado Bruno Lima, faz parte de um trabalho intersecretarial, que envolve as secretarias de Tecnologia, Inovação e Desenvolvimento Econômico e de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, por meio do departamento de Fauna e Bem-Estar Animal.


A denúncia pelo App 156 pode ser feita em poucos minutos. Na aba “Animais – Denunciar Maus-Tratos”, o munícipe precisará preencher o local da ocorrência, fazer um breve relato e enviar uma foto da situação do animal. Após registar o caso, que será mantido em sigilo, a denúncia será direcionada para uma das equipes do Bem-Estar Animal que, com apoio da equipe do deputado, visitará o endereço onde ocorrem os possíveis maus-tratos.

O prefeito Rogério Lins esteve no Bem-Estar Animal, onde testou o canal de denúncias e destacou a importância da ferramenta: “as denúncias serão feitas em tempo real, o que vai garantir agilidade no atendimento”, disse.


Já o delegado Bruno Lima parabenizou a Prefeitura por adotar essa iniciativa: “quem acompanha o nosso trabalho sabe das dificuldades que muitas vezes temos para apurar as denúncias. Agora com esse canal teremos mais agilidade na apuração e tratativa dos casos”, apontou o deputado estadual que é ligado a causa animal.


Abandono e maus-tratos contra animais domésticos, silvestres, nativos ou exóticos é crime, de acordo com a Lei 9.605/98, artigo 32. Atualmente, a legislação prevê pena de três meses a um ano de detenção para esse tipo de crime.

38 visualizações