top of page

Osasco: Indivíduo é preso pelo 5º Baep após efetuar disparos na via pública


No local foram aprendidas 137 munições além de duas armas de fogo.


Fau Barbosa

Por volta das 23h desta terça-feira, 15, uma equipe do 5º Baep fazia patrulhamento tático pelo município de Osasco, quando foi irradiado pelo Copom sobre disparos de arma de fogo no bairro Conceição.


A equipe se deslocou até o local indicado para averiguar o ocorrido e, ao desembarcarem da viatura, avistaram dois indivíduos em uma laje onde funcionava um bar, sendo que um deles estava armado e efetuando disparos na via pública.


Fazendo uso de escudo balístico, os policiais entraram no local e abordaram os dois indivíduos, que foram submetidos a revista pessoal. No primeiro momento, não foi localizado o armamento, mas na busca pelo local, foi localizado em um anexo ao bar, um revólver calibre .38 sem registro, oxidado, com capacidade de cinco munições. Quatro estavam deflagradas e uma intacta.

Também foram localizadas outras 14 munições intactas e 12 deflagradas de calibre .38, além de 74 munições intactas, 32 deflagradas de calibre .380.


O indivíduo dono do bar, que já tinha passagem pela polícia por roubo, disse aos policiais que estava estressado e efetuou disparos para relaxar. Ele disse que era atirador e tinha registro, além de possuir uma outra arma calibre 9mm legalizada, porém, esta arma não foi localizada pela equipe.


O outro indivíduo, que não tinha antecedentes criminais, disse aos policiais que o indivíduo era seu conhecido e não havia feito disparos, apenas filmado os disparos com o celular do dono do bar.


Diante dos fatos, foram conduzidas as partes, o armamento e as munições ao 5º DP de Osasco, onde a Autoridade Policial após saber dos fatos, solicitou perícia no local além de exame residuográfico. O delegado deu voz de prisão em flagrante, recolhendo o proprietário do bar à carceragem, onde permaneceu a disposição da Justiça. O outro indivíduo foi ouvido e liberado.


O caso foi registrado em boletim de natureza "Disparo de arma de fogo (art.15) e Posse irregular de arma de uso permitido (art.12), ambos da da L10826/03 - Estatuto do Desarmamento.


O revólver calibre .38 e a pistola calibre .380, assim como as 137 munições, foram apreendidos e encaminhados para perícia.



73 visualizações

Comments


bottom of page