Oscar 2021: Conheça os vencedores


O evento homenageou os melhores filmes lançados entre 1 de janeiro de 2020 e 28 de fevereiro de 2021.

Na noite deste domingo, 25, aconteceu a 93ª cerimônia de entrega dos Academy Awards, ou Oscars 2021, apresentada pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas.


Foi a primeira vez que o Oscar foi realizado virtualmente e pessoalmente devido à atual pandemia de COVID-19. A cerimônia ocorreu no Teatro Dolby, em Los Angeles, dois meses após o previsto originalmente, devido ao impacto da pandemia de COVID-19 no cinema. As nomeações foram anunciadas em 15 de março de 2021.


Nomadland ganhou três prêmios, o maior vencedor da noite, incluindo o de Melhor Filme. Outros vencedores foram The Father, Judas and the Black Messiah, Ma Rainey's Black Bottom, Mank, Soul e Sound of Metal com dois prêmios, e Druk, Colette, If Anything Happens I Love You, Minari, My Octopus Teacher, Promising Young Woman, Tenet e Two Distant Strangers com um.


Esta cerimônia marcou a primeira desde o Oscar 2006 em que nenhum filme ganhou mais do que três prêmios e a primeira vez desde o Oscar 1972 que a cerimônia não terminou com o prêmio de Melhor Filme.


Confira a lista dos vencedores:


Melhor filme:

"Meu Pai"

"Judas e o Messias Negro"

"Mank" "Minari"

"Nomadland" - VENCEDOR

"Bela Vingança"

"O Som do Silêncio"

"Os 7 de Chicago"


Melhor direção

Thomas Vinterberg, por "Druk - Mais uma Rodada"

David Fincher, por "Mank"

Lee Isaac Chung, por "Minari"

Chloé Zhao, por "Nomadland" - VENCEDOR

Emerald Fennell, por "Bela Vingança"


Melhor ator

Riz Ahmed, por "O Som do Silêncio"

Chadwick Boseman, por "A Voz Suprema do Blues"

Anthony Hopkins, por "Meu Pai" - VENCEDOR

Gary Oldman, por "Mank"

Steven Yeun, por "Minari"


Melhor atriz

Viola Davis, por "A Voz Suprema do Blues"

Andra Day, por "The United States vs. Billie Holiday"

Vanessa Kirby, por "Pieces of a Woman"

Frances McDormand, por "Nomadland" - VENCEDOR

Carey Mulligan, por "Bela Vingança"


Melhor canção original

"Fight for You" - H.E.R. ("Judas e o Messias Negro") - VENCEDOR

"Hear My Voice" - Celeste ("Os 7 de Chicago")

"Husavik" - Fire Saga ("Festival Eurovision da Canção")

"Io Si (Seen)" - Laura Pausini ("Rosa & Momo")

"Speak Now" - Leslie Odom Jr. ("Uma Noite em Miami")


Melhor design de produção

Peter Francis, por "Meu Pai"

Mark Ricker, por "A Voz Suprema do Blues"

Donald Graham Burt, por "Mank" - VENCEDOR

David Crank, por "Relatos do Mundo"

Nathan Crowley, por "Tenet"


Melhor montagem

Yorgos Lamprinos, por "Meu Pai"

Chloé Zhao, por "Nomadland"

Frédéric Thoraval, por "Bela Vingança"

Mikkel E.G. Nielsen, por "O Som do Silêncio" - VENCEDOR

Alan Baumgarten, por "Os 7 de Chicago"


Melhores efeitos visuais

"Love and Monsters"

"O Céu da Meia-Noite"

"Mulan"

"O Grande Ivan"

"Tenet" - VENCEDOR


Melhor cabelo & maquiagem

"Emma."

"Era uma Vez um Sonho"

"A Voz Suprema do Blues" - VENCEDOR

"Mank"

"Pinóquio"


Melhor som

"Greyhound"

"Mank"

"Relatos do Mundo"

"Soul"

"O Som do Silêncio" - VENCEDOR


Melhor documentário

"Collective"

"Crip Camp: Revolução Pela Inclusão"

"The Mole Agent"

"Professor Polvo" - VENCEDOR

"Time"


Melhor filme internacional

"Druk - Mais uma Rodada" (Dinamarca) - VENCEDOR

"Better Days" (Hong Kong)

"Collective" (Romênia)

"O Homem que Vendeu sua Pele" (Tunísia)

"Quo Vadis, Aida?" (Bósnia)


Melhor animação

"Dois Irmãos: Uma Jornada Fantástica"

"A Caminho da Lua"

"Shaun, o Carneiro: O Filme - A Fazenda Contra-Ataca"

"Soul" - VENCEDOR

"Wolfwalkers"


Melhor documentário em curta-metragem

"Colette" - VENCEDOR

"A Concerto is a Conversation"

"Do Not Split"

"Hunger Ward"

"A Love Song for Latasha"


Melhor curta-metragem de animação

"Burrow"

"Genius Loci"

"Se Algo Acontecer... Te Amo" - VENCEDOR

"Opera"

"Yes-People"


Melhor curta-metragem

"Feeling Through"

"The Letter Room"

"The Present"

"Two Distant Strangers" - VENCEDOR

"White Eye"