Polícia Militar atende homicídio e violência doméstica na região de Ibiúna


Casos aconteceram no final de semana.

Durante averiguação de possível homicídio, no município de Piedade, próximo à divisa com Ibiúna, a equipe do CGP2 da Polícia Militar, após receber indicações sobre o local da ocorrência, realizou diligências e acabou por encontrar a vítima de homicídio, um homem de aproximadamente 50 anos. O corpo estava enterrado em uma cova rasa, tendo suas vestes queimadas jogadas em cima da terra.


O autor foi preso e confessou o crime. Ele estava com sua atual companheira e a filha dela, de apenas um ano. Questionado sobre os motivos do crime, ele disse à Polícia que teria agredido a vítima na cabeça durante uma discussão sobre a ex-mulher, usando um cabo de enxada e posteriormente um facão. O crime teria ocorrido há três dias, por volta das 20h.


O indivíduo foi conduzido ao DP, onde foi preso por homicídio e ocultação de cadáver.


Outro caso

O Copom irradiou uma ocorrência, onde durante uma briga entre um casal, um bebê teria sido arremessado no chão.


Durante patrulhamento, na tentativa de encontrar o local da ocorrência, os policiais depararam com a vítima, a qual estava chorando e muito nervosa. Ela contou aos policiais que seu companheiro estava com galões de gasolina, para atear fogo na casa. Ela teria sido agredida com socos, sendo que um deles, acabou atingindo a testa de sua filha de 11 meses. O indivíduo ainda havia pegado a bebê pelas roupas, de forma que "pressionou" o pescoço dela e ela perdeu a respiração por um momento, sendo preciso a ajuda de uma vizinha para que a criança voltasse a normalidade.

Quando os policiais chegaram próximo à casa indicada pela vítima, que já estava em chamas, visualizaram o indivíduo em seu veículo. Ele ao ver a viatura tentou fugir mas foi detido pela equipe.


No local, o fogo foi contido pelos policiais com auxílio o de populares. Porém todos os objetos que estavam no quarto e na sala foram danificados pelo fogo, inclusive documentos e objetos pessoais da mulher e do bebê.


Ambas foram socorridas ao PS de Ibiúna e encaminhadas ao DP, onde o indivíduo permaneceu preso por Violência Doméstica, Lesão Corporal e Dano Qualificado, ficando à disposição da Justiça.


Atendeu as ocorrências a viatura I-40218 do CGP2, Sgto. Lidiany e Sd Rodrigues