top of page

Sequestro em Cotia: Homem de 45 anos é abordado e feito refém de bandidos na Estrada do Caiapiá


Vítima foi solta pela Guarda Civil após ser liberada amarrada e vendada.


Fau Barbosa

Nesta quarta-feira, 13, por volta das 10h45, Guardas Civis foram acionados via Cecom para atender ocorrência na Rua Felismino de Oliveira. Segundo a informação recebida, no local estaria uma pessoa amordaçada, com os olhos tampados e as mãos e pés amarrados.


Ao chegarem ao local, os guardas se depararam com a situação, e desamarraram a vítima, que disse que havia sido vítima de sequestro por volta das 21h40 da noite anterior, ficando refém dos indivíduos.

O sequestro

A vítima contou aos guardas que trafegava com sua caminhonete MMC/Tritons Sport prata pela Estrada do Caiapiá quando foi interceptado por um veículo (provavelmente um Corsa), com pelo menos quatro indivíduos. Três deles desceram do veículo e abordaram a vítima, mencionando estarem armados. Mediante grave ameaça, anunciaram o roubo e exigiram que a vítima fosse para o banco de trás do seu próprio veículo.


A vítima foi obrigada a permanecer com a cabeça baixa, enquanto os meliantes assumiram a direção do veículo e passavam a percorrer várias ruas, por aproximadamente dez minutos, até que pararam e passaram a se comunicar por meio de mensagens de aplicativo. Neste momento, uma mulher veio conversar com um dos ladrões e em seguida prosseguiram a viagem por mais alguns minutos, tendo parado em um estacionamento, o qual, pelas conversas ouvidas, era próximo a um campinho.


Ali os bandidos passaram a solicitar as senhas bancárias pessoais da vítima. O bando já estava de posse do seu celular, e de algumas senhas já dadas pela vítima, sem se lembrar de outras, devido ao nervosismo. Após duas horas, novamente os ladrões começaram a trafegar com a vítima. Ao pararem o veículo, ela foi levada para o interior de uma residência, onde viu que, pelas pernas da pessoa que abriu a porta, esta aparentava ser uma senhora. Ao entrar na residência, a vitima foi levada a um cômodo, onde foi colocada em uma cadeira, sendo amarradas as suas pernas, pois os braços já haviam sido amarrados inicialmente.


Neste local, a vítima acredita que era vigiada por quatro ou cinco pessoas, entre elas uma mulher, sendo ameaçada a todo momento para fornecer as senhas. Após cerca de seis horas, foi novamente levada, desta vez no interior do porta malas de um segundo veículo, onde foi advertida que seria libertada, porém não era para olhar para trás e nem falar com ninguém, somente seguir em frente.


A vítima foi liberada próxima ao CT do São Paulo e os meliantes fugiram tomando rumo ignorado. Uma moradora viu e acionou a Guarda Civil.


O veículo da vítima foi localizado em estado de abandono, totalmente fechado, na Estrada do Padre Inácio. A vítima foi encaminhada ao DP de Cotia, onde a Autoridade Policial tomou ciência dos fatos e solicitou perícia AFIS no veículo.


O caso foi registrado em boletim de ocorrência de natureza "Roubo (art. 157) - Veículo § 2ºA, I - Se a violência ou ameaça é exercida com emprego de arma de fogo; § 2º, II - há concurso de duas ou mais pessoas § 2º, V - o agente mantém a vítima em seu poder, restringindo sua liberdade".


Atendeu a ocorrência a viatura 01-006, GC´s Laurez e Julião, com apoio das viaturas da área .

415 visualizações

Commentaires


bottom of page