top of page

Apagão: Alguns bairros ainda seguem sem energia após temporal da sexta-feira


Várias árvores caíram, afetando a rede de distribuição


Fau Barbosa

O temporal da última sexta-feira, 3, durante o feriado prolongado deixou um rastro de caos em São Paulo e municípios vizinhos. Os ventos, que chegaram à 100km/h, derrubaram árvores, causaram estragos e deixaram a população sem energia, sem água e sem sinal de celular.


Após 60 horas do ocorrido, nesta segunda-feira, 6, cerca de 500 mil imóveis da Capital e da Região Metropolitana de São Paulo permanecem sem energia. Segundo a Enel, as zonas Sul e Oeste foram as mais impactadas. Em Cotia, a Secretaria de Educação cancelou as aulas nas escolas municipais (leia aqui).


A Enel divulgou nota na manhã de hoje.


"A Enel Distribuição São Paulo informa que restabeleceu a energia para mais de 76% dos clientes que tiveram o fornecimento impactado após o vendaval da última sexta-feira. Até o momento, cerca de 1,6 milhão de clientes tiveram o serviço normalizado, de um total de cerca 2,1 milhões afetados na última sexta-feira.


O vendaval que atingiu a área de concessão no dia 03 de novembro foi o mais forte dos últimos anos e provocou danos severos na rede de distribuição. Técnicos da companhia seguem trabalhando 24 horas por dia para agilizar os atendimentos e restabelecer o serviço para a grande maioria dos clientes até a próxima terça-feira, conforme anunciado em reunião com o prefeito de São Paulo na tarde de ontem.


Devido à complexidade do trabalho para reconstrução da rede atingida por queda de árvores de grande porte e galhos, a recuperação ocorre de forma gradual. Em atuação conjunta com Corpo de Bombeiros, Prefeitura e outras autoridades, a companhia tem priorizado os casos mais críticos, como serviços essenciais e a conexão das escolas onde seriam aplicadas as provas do ENEM.


A Enel São Paulo seguirá com a mobilização total dos profissionais e reforço em várias frentes, como call center e operação de campo. A companhia orienta que os clientes acessem os canais digitais da companhia para abrir chamado de falta de luz, por meio do app Enel São Paulo e agência virtual do site www.enel.com.br.


Falta d´água A Sabesp informou que, com o restabelecimento da energia elétrica em pontos da capital e região metropolitana de São Paulo, os reservatórios da Companhia nessas áreas iniciaram o processo de recuperação no domingo (5).

A previsão, para os locais onde há energia, é que o abastecimento seja normalizado ao longo do dia de hoje, podendo se estender até amanhã (7) em pontos mais críticos.


Foto: Fau Barbosa

96 visualizações

Comments


bottom of page