top of page

Barueri inaugura a Praça das Artes: o maior e mais moderno complexo cultural da região


No dia 22 de outubro, sábado, foi inaugurado pela Prefeitura de Barueri o complexo cultural Praça das Artes, um projeto arquitetônico assinado por Ruy Othake (1938-2021), uma das principais referências em Arquitetura do Brasil e do mundo. A obra significa um novo padrão de política pública e de qualidade em artes e espetáculos na região.


Para o secretário de Cultura e Turismo (Secult), Jean Gaspar, muito mais do que um prédio modelo e arrojado, trata-se de um empreendimento que será animado por pessoas que já “vivem a alegria de fazer arte”.


Ele se refere aos estudantes, professores e profissionais que nos últimos anos participam dos cursos e apresentações artísticas promovidas pela Secult. Nas palavras de Jean, a Praça das Artes é a decorrência dos investimentos que a Prefeitura de Barueri fez na formação de crianças, jovens e adultos no universo da cultura.

Projeto arrojado

Com um projeto arquitetônico arrojado, o complexo cultural é assinado por Ruy Othake (1938-2021), uma das principais referências em Arquitetura do Brasil e do mundo.

Localizado no Bairro Boa Vista, a Praça das Artes tem 22 mil metros quadrados distribuídos em três pavimentos, um teatro com 950 lugares com equipamentos de última geração, salas para o ensino de dança, teatro, música, artes visuais, circo e outras atividades artísticas, espaços administrativos que sediam a Secretaria de Cultura e Turismo, auditório para 130 pessoas e inúmeros outros espaços planejados para receber mostras, performances e diversos tipos de manifestações culturais.


O complexo cultural tem ainda sala multimídia, espaço de leitura, seis salas para palestras e 283 vagas de estacionamento para carros e motos.


“É daqui que sairão os grandes artistas da nossa região”, aposta o prefeito Rubens Furlan. Segundo ele, a Praça das Artes foi concebida para garantir a “democratização e o acesso aos bens culturais para a população de Barueri”.


Com a Praça das Artes e a integração com outros equipamentos culturais, Jean Gaspar enxerga um grande salto cultural e econômico na cidade, movimentando ainda mais no seu entorno setores como o comércio, transporte, alimentação e outros.


Ele estima que o público flutuante na Praça das Artes (entre estudantes e apreciadores dos espetáculos) deverá chegar a 25 mil pessoas por mês, com possibilidade desse número aumentar ainda mais nos próximos anos.

Programação especial A inauguração também tem um caráter bastante especial por apresentar uma programação com superproduções artísticas.


No sábado, o maestro João Carlos Martins e orquestra fizeramo espetáculo “Cinema in Concert”, com trilhas sonoras de grandes clássicos do cinema. No domingo, dia 23, aconteceram duas apresentações do musical Barnum – O Rei do Show, que na versão norte-americana fez grande sucesso como espetáculo da Broadway.


No próximo dia 28, sexta-feira, as cantoras Zizi e Luiza Possi farão um show inesquecível, com um repertório variado de canções inéditas e de sucessos de autores como Ivan Lins, Gonzaguinha, Milton Nascimento e Gilberto Gil.


Os ingressos podem ser retirados gratuitamente no site www.bilheteriaexpress.com (exceto para a orquestra do maestro João Carlos Martins), ou duas horas antes na bilheteria do Teatro na Praça das Artes (inclusive para a orquestra).



144 visualizações

Comments


bottom of page