Polícia Ambiental flagra descumprimento de embargo em Itapecerica da Serra


Descumprimento gerou multa por degradação contra a flora e desrespeito a embargo

Nesta quinta-feira(9), policiais ambientais estiveram na Rua Manoel Máximo da Rosa, no Jd. São Marcos, em Itapecerica da Serra.

Em fiscalização dias atrás, os policiais haviam feito um embargo no local, devido desmatamento indevido.

Em nova vistoria, os policiais verificaram que o embargo havia sido descumprido, não sendo obedecido o impedimento de desmatamento.

Por isso, no local, a equipe elaborou o auto de infração ambiental nº 20201209005893-1 com base no Art. 75 da resolução SMA 048/14, com multa aplicada no valor de R$ 10.000,00 (dez mil reais).

"Quando vc destrói a natureza onde não pode, em Área de Preservação, e começa a construir, a Polícia Ambiental, além de autuar pelo que destruiu, impede a continuidade da obra, podendo (em alguns casos) destruir o que está sendo feito. E embarga para não aumentar o estrago, proibindo o autuado de aumentar o que fez", disse o Cmte. da 2ª Cia do 3º Pelotão do 1° BPAmb, Ten. Perez à reportagem do Portal Viva.


Atendeu a ocorrência a viatura da Polícia Ambiental A-01219, Cb Almir e Sd Lacerda.