top of page

Raposo Tavares: Indivíduo foge da abordagem e é perseguido e preso pela Polícia Rodoviária

Ele estava com um caminhão Munck roubado e foi reconhecido como autor do roubo


Fau Barbosa

Policiais Rodoviários faziam fiscalização na base do km 35+700 da Rodovia Raposo Tavares, no sentido interior quando deram sinal de parada para um caminhão Munck VW/15.190.


Ao solicitar os documentos pessoais do condutor e do veículo, o motorista empreendeu fuga pela rodovia. Imediatamente os policiais entraram na viatura e passaram a perseguir o caminhão, que fez o retorno no km 39 e acessou a Estrada de Caucaia. Cerca de 400 metros à frente, o motorista jogou o caminhão em um barranco, desceu e iniciou fuga a pé em direção a uma área de mata. Ele foi perseguido pelos policiais, alcançado e algemado.

Indagado, o motorista informou aos policiais que teria sido contratado em Embu Guaçu para entregar o caminhão no endereço digitado no GPS, não sabendo informar o local, mediante a promessa de R$1.000,00 (mil reais) e alegando desconhecimento da procedência ilícita do caminhão bem como da troca das placas de identificação.


Na fiscalização veicular foi constatado pela equipe que o veículo ostentava uma placa falsa (era dublê). Na consulta via Prodesp foi constatado que o veículo era produto de roubo no dia anterior, na Zona Sul de São Paulo. Em contato com a vítima, proprietário do caminhão, o motorista foi reconhecido como um dos autores do roubo.

O Roubo

A vítima de roubo contou à Polícia que estava parado com o caminhão no semáforo quando surgiram dois homens a pé e um deles armado. Os dois subiram na boleia do caminhão e obrigaram a vitima a ficar entre eles, mandando que trocasse de roupa com um deles, "pois era o uniforme da empresa".


O motorista dirigiu por uns 15 minutos, até que chegaram em um terreno baldio onde os bandidos fizeram a vitima descer e acompanhar um deles até um cativeiro. Lá avisaram que só queriam o caminhão pois estava encomendado. A vítima permaneceu no local, que era um matagal, por aproximadamente duas horas. Segundo o relato, o comparsa estava sempre em contato com o outro perguntando como estava a vítima. Por fim, o indivíduo que levou o caminhão chamou o outro homem e pediu que a vítima aguardasse uns 20 minutos para poder sair do terreno onde estava. O registro de boletim foi feito com a natureza "Roubo (art. 157) - Veículo § 2ºA, I - Se a violência ou ameaça é exercida com emprego de arma de fogo; § 2º, II - há concurso de duas ou mais pessoas", ficando o indivíduo preso.


O indivíduo, de 29 anos e o caminhão foram encaminhados ao DP Central de Cotia, onde a Autoridade Policial, Dra. Monica Gamboa determinou a prisão do indivíduo.


Atendeu a ocorrência a viatura do CGP R-05421, Sgto. Vagner e Cb Jefferson, com apoio da viatura R-05414, Cb Donizete e Cb Marcio.

Comments


bottom of page