top of page

Adolescente de 15 anos é morto durante tentativa de roubo à residência em Cotia

Um indivíduo de 19 anos foi preso em flagrante. Ele é ex-morador do local


Fau Barbosa

Policiais Militares foram acionados, via Copom, para atendimento várias chamadas informando que havia pedido de socorro e disparo de arma de fogo em uma residência no Condomínio Pq. Rizzo II, em Cotia. Os policiais foram para o local onde fizeram contato com vizinhos que relataram que se tratava de um roubo a residência.


Segundo as informações, por volta das 03h40 da madrugada, a casa foi invadida por três indivíduos armados que anunciaram o roubo e renderam um casal e seus três filhos de 4, 7 e 15 anos. Um dos indivíduos era bastante violento e chegou a ameaçar a mãe das crianças. Após a reação de uma das vítimas, o adolescente de 15 anos teria se assustado sendo baleado à queima roupa com dois tiros no peito. Em seguida os criminosos fugiram do local sem roubar nada.


O adolescente foi socorrido pelos familiares ao Hospital Regional de Cotia, porém não resistiu aos ferimentos e veio a óbito.


Os policiais fizeram uma vistoria nas imediações da residência e acabaram localizando, no terreno atrás da casa, uma toca ninja e um carregador de pistola calibre .45 com sete munições intactas. Dentro do imóvel haviam várias manchas de sangue. O local foi preservado e a Autoridade Policial informada, solicitando perícia IC e AFIS. Uma equipe de investigadores foi para o endereço e iniciaram os trabalhos de investigação com levantamento de possíveis câmeras de monitoramento que possam ter flagrado a ação dos bandidos.


Indivíduo é identificado

Policiais Militares receberam informações que os três criminosos vestiam moletons de cor preta com capuz e uma calça clara, com listras escuras e um "desenho" no bolso.


Um deles, de 19 anos, teria sido reconhecido por uma das vítimas por foto. O indivíduo teria sido preso em flagrante na última terça-feira no DP de Cotia, conforme matéria publicada pelo Portal Viva (leia aqui).


Na ocasião, ele e outro indivíduo que estavam em uma moto, ao verem a viatura da Romu fugiram. Houve perseguição e os dois acabaram caindo da moto. O condutor foi hospitalizado e o garupa preso, porém acabou sendo colocado em liberdade na audiência de custódia.


A prisão

De posse de tais informações, os policiais verificaram o endereço do indivíduo que havia sido preso e liberado e com apoio do Grupo de Operações Especiais da Seccional de Polícia de Carapicuíba foram até a sua residência, onde encontraram as portas abertas, e viram que o indivíduo estava deitado na cama. Questionado sobre os fatos, ele alegou ter permanecido em casa dormindo, não tendo qualquer envolvimento com a morte do adolescente.


Porém, ao lado da cama em que dormia, os policiais visualizaram uma calça com as características apontadas pela vítima. Ao ser informado que seria conduzido à Delegacia já que tinha sido reconhecido por foto e havia ali o indício da calça com a mesma característica usada no crime, ele investiu contra a equipe sendo necessário uso de força moderada para contê-lo. O indivíduo foi algemado e detido, sendo levado ao DP de Cotia, onde a delegada Dra. Monica Gamboa determinou a sua prisão em flagrante e seu formal indiciamento. Ele seria ex-morador do condomínio onde o crime ocorreu.


"Este que foi preso, ele estaria envolvido, mas não foi ele que matou o garoto. Estamos aguardando a perícia para chegar no autor do disparo", disse a delegada Dra. Monica à reportagem do Portal Viva.

O caso foi registrado no DP de Cotia em boletim de ocorrência de natureza "Resistência (art. 329); Homicídio (art. 121); Tentativa de Roubo (art. 157) - Residência § 2º, II - há concurso de duas ou mais pessoas § 2ºA, I - Se a violência ou ameaça é exercida com emprego de arma de fogo.

587 visualizações

Comments


bottom of page